07/08/2017 às 16h44min - Atualizada em 07/08/2017 às 16h44min

Com dois navios, Hidroceanográfico e Patrulha-Bocanica, mais Sonar, equipe de busca detectaram algo no fundo do rio que acreditam ser o rebocador

Por: Rafaela Aquino
Fotos: Marinha e Moradores da Localidade

ÓBIDOS - Domingo (06), chegou em Óbidos duas embarcações para darem continuidade nas buscas pelos desaparecido do acidente no rio Amazonas. O navio Hidroceanográfico (que tem a capacidade de realizar pesquisas de busca de nódulos metálicos no fundo do mar) e o navio de busca Patrulha-Bocanica (específico para buscas de desaparecidos em naufrágios).

Até o momento as buscas continuam sem sucesso, pelas nove vitimas que trabalhavam como tripulantes em um rebocador da empresa de transportes Bertolini que afundou próximo ao município de Óbidos, no oeste do Pará, após colidir com um navio cargueiro da empresa Mercosul Line.

Segundo o Capitão Freitas (Marinha de Santarém), que está em Óbidos desde a tarde do dia 02, data do acidente, informou ao Portal Obidense que domingo os dois navios iniciaram trabalhos constantes em buscas das nove vitimas: “O Navio Hidroceanográfico, detectou no domingo, no local em que tínhamos estimados como a posição do empurrador , um objeto que acreditamos ser ele, mais ainda não está confirmado, nesta segunda 07, o navio está realizando uma nova varredura com um sonar melhor do qual foi usado ontem, para pode assim ter uma melhor definição nas imagens, já o navio de busca Patrulha-Bocanica está desde domingo realizando varreduras nas proximidades do local para verificar se algum corpo se soltou do empurrador”. Informou o Capitão Freitas.

Aproximadamente 30 pessoas estão trabalhando em busca de encontrar os corpos das vitimas, muitas dificuldades estão sendo encontradas, como a testura da água por ser barrenta, a profundidade de onde provavelnete está o empurador que é de 60 metros e um das maiores dificuldades é a corentesa, que é muito forte e impede o trabalho dos mergulhadores, mais segundo o Capitão tudo está sendo feito para resgata esses corpos.

Os familiares das vítimas do acidente, quee vieram para Óbidos continuam angustiados por ainda não terem notícia sobre a localização do rebocador, e a cada hora que se passa a aflição aumenta. Todos estão acompanhando os trabalhos que as equipes de busca estão realizando.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp