28/12/2023 às 10h45min - Atualizada em 28/12/2023 às 10h45min

Rodovia PA-151 recebe obras do Estado em trajeto Belém/Santarém

Pavimentação deve ficar pronta em 24 meses e vai permitir que viagem de Belém a Santarém seja realizada em até 12 horas

Da Redação
Ag Pará
Fotos: Ag. Pará

PARÁ - Quem mora nos municípios das regiões do Tapajós e Baixo Amazonas poderão acessar, através das estradas, a Região Metropolitana de Belém (RMB) em uma viagem mais curta, em média de 12 horas e, com corredores em boas condições de trafegabilidade, isso porque, o governador do Pará, Helder Barbalho, assinou a Ordem de Serviço (OS) para construção e pavimentação de 137 quilômetros da rodovia PA-151, no trecho entre os municípios de Breu Branco a Baião, na região de Integração do Baixo Tocantins. Foto: MARCELO LELIS / AG. PARÁ

"Atualmente leva-se de 16 a 18 horas, para chegar em Belém, sem parar, saindo de Santarém e passando pelos município de Rurópolis, Altamira, Breu Branco, Goianásia do Pará (PA 150), até chegar em Moju e, entrar na Região Metropolitana de Belém.  Com conclusão da PA-151, vamos ter uma nova rota alternativa, que vai reduzir esta mesma viagem entre 10 a 12 horas", anuncia o governador.


Com o novo trajeto o motorista utiliza a PA-370/Transuruará, sem precisar entrar por Rurópolis, na BR-163, acessando diretamente o município de Uruará, ou seja, deixa de rodar em média 130 quilômetros.
  A assinatura da OS da PA-151 ocorreu durante agenda do governador nos municípios de Baião e Breu Branco, no Baixo Tocantins. Ao todo será investido mais de R$ 250 milhões na obra que vai contar com serviços de instalação de rede de drenagem de água da chuva, implantação de sub-base, base, terraplanagem, asfaltamento e sinalização de trânsito horizontal e vertical da pista.

A Secretaria de Estado de Transportes (Setran) é a responsável pela execução da obra que foi dividida em quatro lotes: o lote 1, com 34 quilômetros de extensão; o lote 2, contendo 33 quilômetros; o lote 3, também com 33 quilômetros; e o lote 4 que tem 37 quilômetros de extensão.

"É uma obra prioritária do governo do Estado, que além de criar corredores logísticos para escoamento da produção do cacau de Medicilândia e Uruará, maiores produtores do Pará, também estimulam o desenvolvimento do turismo daquelas regiões", pontua Adler Silveira, titular da Setran.


A PA-151 tem mais de 250 quilômetros de extensão e após a conclusão da obra, estará completamente pavimentada. Aos municípios de Barcarena, Abaetetuba, Igarapé-Miri, Cametá, Mocajuba, Baião e Moju, a rodovia pode ser acessada pela PA 481, pela Moura Carvalho, acesso  ao porto do Arapari, PA 483, Alça Viária, PA 403, PA 252, PA 40, PA467, PA 469, PA 256, PA 471 e  PA 258.
PA 370/Transuruará. 

A obra de pavimentação da PA-3170/Transuruará está sendo concluída e faz parte do trecho inicial do novo percurso entre  Santarém e a capital paraense, Belém. Vale lembrar que em novembro deste ano foram entregues os 70 quilômetros iniciais entre a hidrelétrica de Curuá Una e a ponte sobre o rio Tutuí , e a Setran finaliza os últimos quilômetros do asfaltamento da estrada, perfazendo quase 150 quilômetros de obra e ainda a conclusão de duas pontes de médio porte que também foram entregues. A ponte sobre o rio Curuá Uma, em Santarém e sobre o rio Tutuí, em Uruará.

Trajeto novo  12 horas -utilizando PA 370 Transuruará e PA 151

1)Saída: Santarém para Uruará : PA-370/ Transuruará
2)Uruará para Novo Repartimento : BR-230 Transamazônica 
3) Tucuruí para Breu Branco: PA-263
4) Breu Branco para Baião : PA-151 
5) Baião para trevo da Alça  : PA-151
6) Trevo da Alça para BR-316: Alça viária 

Novo Repartimento para Tucuruí : BR-422

Trajeto antigo 18 horas
1)Santarém para Rurópolis
2)Rurópolis para Uruará 
Uruará para Novo Repartimento: BR-230 Transamazônica 
3) Tucuruí para Breu Branco: PA-263
4) Breu Branco para Goianésia  : PA-263
5) Goianésia do Pará para Moju : PA-150
6) Moju para Trevo da Alça : PA-150/PA-151
7) Trevo da Alça para BR-316 Marituba: alça viária.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp