10/11/2015 às 20h02min - Atualizada em 10/11/2015 às 20h02min

Começa o julgamento de seis acusados das mortes na Comunidade Mamaurú

Crime que ocorreu em agosto de 2013 ganhou repercussão regional pela crueldade com que as vítimas foram assassinadas.

Da Redação
Fotos: Eury Silva

ÓBIDOS – Iniciou na manhã desta terça-feira (10) o julgamento dos seis acusados pelas mortes de duas pessoas na comunidade Mamaurú, interior do município de Óbidos, os crimes ocorreram durante um torneio de futebol. O Tribunal do Júri que está sendo realizado no auditório da Casa da Cultura é presidido pelo juiz titular da Comarca de Óbidos Rômulo Nogueira de Brito, a previsão é que o julgamento encerre só na próxima quinta-feira (12).

As mortes ocorreram em agosto de 2013 durante uma briga entre duas famílias que tinham uma rixa antiga, na época Fábio Froes Lobato, Alailton Ferreira da Silva e Osmar Fonseca da Silva, foram assassinados a golpes de faca e cacetados com pedaços de pau.

Depois de quase dois anos de investigação seis pessoas foram presas e acusadas por duas, das três mortes registradas naquele dia.

Durante a manhã de hoje foram ouvidas 5 testemunhas de acusação e no período da tarde 14 testemunhas de defesa prestaram depoimento no tribunal.

Estão sendo julgados pela morte de Osmar Fonseca da Silva, quatro pessoas da mesma família: Manoel Jander Ferreira da Silva; Joaquim Ferreira, Pascoal dos Santos Ferreira e Bruno Sávio Ferreira Marinho.

Pela morte de Alailton Ferreira da Silva estão sendo julgados os irmãos Eliel Froes Lobato e Cristóvão Froes Lobato.

Mais de dois anos após o crime e depois de várias reviravoltas no caso, enfim os acusados sentam no banco dos réus, o Júri Popular está sendo considerado o mais importante da Comarca de Óbidos no ano de 2015.

Entenda o caso

O crime aconteceu no dia 25 de agosto de 2013 durante um jogo válido pela semifinal do campeonato de futebol feminino da comunidade Mamaurú. Duas famílias rivais que não são da comunidade, se encontraram durante o evento esportivo e se desentenderam o que deu início a uma briga generalizada. Várias pessoas ficaram feridas e três foram brutalmente assassinadas a golpes de faca e cacetadas com pedaços de pau.

Segundo o inquérito policial, Fábio Froes Lobato de apenas 17 anos foi o primeiro a ser assassinado durante o confronto, a morte do jovem foi atribuída a Alailton Ferreira da Silva que junto com Osmar Fonseca da Silva, foram mortos pelos parentes de Fábio, que vingaram a morte do jovem de 17 anos.

Na época 12 pessoas chegaram a ser acusadas de participação nos crimes, mas com a revisão do caso o número de acusados caiu para seis. Em novembro do ano passado durante uma operação integrada do Sistema Nacional de Segurança de Fronteiras – ENAFRON, foram presos 3 acusados, e os últimos dois envolvidos no crime foram presos pela Polícia Civil em maio desse ano.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp