16/04/2021 às 16h31min - Atualizada em 16/04/2021 às 16h31min

Conselheiro de Óbidos fala sobre procedimentos realizados em menores de idade infratores | Portal Obidense

Fabrício Souza conselheiro tutelar municipal informa sobre os menores de idade que estavam em festa clandestina em Óbidos.

Por: Marcelo Luiz
ÓBIDOS - O caso do famoso "Rock Doido" ganhou repercussão nos principais veículos de comunicação da região Oeste do Pará, além da aglomeração massiva e o descumprimento do decreto estadual e municipal, o que chamou bastante a atenção foi a quantidade de menores de idade que estavam no local, sendo que dos 50 participantes 90% eram menores de 18 anos.

Fabrício Souza conselheiro tutelar municipal de Óbidos em entrevista fala sobre o caso. "Tivemos várias situações neste caso, onde primos maiores de idade queriam assumir a responsabilidade sob o menor, após a assinatura do termo de responsabilidade nós damos uma notificação ao responsável para vir ao conselho tutelar para poder a gente conversar e fazer entender que mesmo que seja um parente ele tem a prerrogativa de assumir a responsabilidade sob o menor." disse Fabrício Souza conselheiro municipal.

Veja a entrevista abaixo:




Fabrício ainda falou sobre os pais sempre estarem atentos aos seus filhos e em tudo que eles estiverem envolvidos. "Uma fala que nós sempre usamos, "desconfie da sua sombra", se você acha que seu filho está no quarto trancado vá lá e verifique, pois, foi o que aconteceu desta última vez, o pai pensava que a filha estava dentro do quarto quando na verdade ela estava na festa." disse Fabrício Souza.
  
Segundo o conselheiro, dependendo do grau do ato em que o menor estiver envolvido, ele pode até responder criminalmente e ficar em reclusão no sistema penal para jovens infratores.





Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp