15/11/2017 às 22h40min - Atualizada em 15/11/2017 às 22h40min

Juíza da comarca de Oriximiná realiza palestras sobre as leis e segurança no transito da cidade.

Após a palestra do dia 17 o DETRAN estará na cidade para fiscalizar e autuar quem estiver em desacordo com a lei.

Por: Márcio Garcia
Fotos: Márcio Garcia

ORIXIMINÁ – Com várias ocorrências de acidentes no transito da cidade de Oriximiná, no oeste paraense, um plano de ação foi traçado na tentativa de conscientizar a população e principalmente os condutores de veículos que trafegam pela cidade sem habilitação, veículo com documentação atrasada, sem equipamentos de segurança e um dos fatores que mais acontece frequentemente, não respeitar a sinalização, estacionar em qualquer lugar e fazer retorno em locais proibidos a consequência é acidentes.

Após várias ações da prefeitura de Oriximiná, porém com pouca mudança de comportamento dos condutores, teve início hoje terça-feira (14) no auditório da UFOPA o projeto “Paz no Transito” que tem a frente a juíza da comarca de Oriximiná, Dra. Céllia Gadoty.

Como palestra inicial, o público seleto de autoridades oriximinaenses, prefeitos, vereadores, associações de moto-taxistas e taxistas.

O fundamental nesse trabalho é a mudança de comportamento e educação no transito para os profissionais da ária na questão do conhecimento da legislação e uso de equipamentos de segurança.

Nosso correspondente em Oriximiná, Márcio Garcia, falou com a Dra. Céllia Gadoty, sobre o projeto. “O nosso objetivo é fazer com que esse grande número de pessoas que se envolvem em acidente no transito de Oriximiná, diminua drasticamente. Muitas vidas envolvidas e vidas que estão sendo ceifadas, por conta de um comportamento que insistem em desobedecer as regras de trânsitos”.

A próxima palestras a ser realizada na cidade, aberta a todos os cidadãos, acontecerá no dia 17 de novembro na escola José Nicolino, esta terá a intenção da conscientização da comunidades em relação aos sinais e equipamento de proteção.

Segundo a Dra. Céllia Gadoty. “Precisamos diminuir esse grande número de pessoas que se envolvem em acidente aqui em Oriximiná, inclusive conscientizar os pais a não deixar seu filho de menor e sem habilitação conduzir veículos, pois estão passando um comportamento totalmente errado, estão liberando para esses menores uma arma que pode tirar a vida de seus filhos. Pois só sentirão e saberão quando acontecer um acidente, os pais são para cuidar da vida de suas crianças e não tira-las”.

Na cidade de Oriximiná, muitos adolescentes e jovens pilotam sem equipamento de segurança, totalmente ao reverso e sem conhecimento da lei.

A Juíza ainda finalizou. “Oriximiná ainda pode ser tranquila em relação ao transito. Depois de nossas palestras, chegará a esta cidade o DETRAN, que fará a fiscalização a partir do dia 18... farão autuação, e depois que o órgão sair da cidade o município continuará com o serviço de fiscalizar”.   


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp