17/03/2016 às 16h40min - Atualizada em 17/03/2016 às 16h40min

Projeto Focos de Esperança prevê reflorestamento em áreas desmatadas em Óbidos

Entre as áreas a serem reflorestadas está 15 hectares localizados na vicinal Ramal das Varas na região de Terra Firme em Óbidos

Por: Martha Costa

ÓBIDOS - Desde a segunda-feira, 14 de março as Secretarias Municipais de Desenvolvimento Rural e Abastecimento (SEMAB) e a de Meio Ambiente (SEMMA) em parceria com a Associação dos Moveleiros de Óbidos realizam a primeira etapa do Projeto Focos de Esperança, que visa o reflorestamento de áreas desmatadas. O projeto realiza o plantio de mudas nativas e plantas frutíferas, que além de ajudarem na preservação ambiental também serão fonte de renda para as famílias que em sua maioria se encontram em situação de vulnerabilidade social ou que sobrevivem apenas da agricultura familiar com a produção da farinha.

O secretário de Meio Ambiente de Óbidos, Vinicius Lopes, falou que a perspectiva do projeto é transformar focos de desmatamento em focos de renda sustentável às famílias e focos de restabelecimento dos danos ambientais causados a floresta. “Nós escolhemos os quatro maiores focos de desmatamento na região, para que a gente possa entender e avaliar quais as maiores dificuldades, o que vamos precisar para por o projeto em pratica e a aceitação do público alvo e a partir daí devemos reprogramar e estender a ação para outros pontos na zona rural do município”, falou o secretário.

Na primeira etapa do projeto a SEMAB doou mudas de cumaru, espécie que a partir de cinco anos começa a produção da semente que é bastante utilizada para fins terapêuticos, além do cumaru outras culturas serão inseridas para fortalecer a cadeia produtiva pautada em um conceito de sustentabilidade. “Esse é um esforço nosso para que estes agricultores saiam dessa zona, que é estar multado, e nós estamos dando uma alternativa. O agricultor multado corre o risco de perder todos os auxílios sociais e de se inserir em projetos sociais. Nós estamos doando 1500 mudas de semente de cumaru, estamos com apoio técnico e em um segundo momento iremos inserir outras espécies frutíferas”, falou a secretária Robenizia Moda.

O prefeito de Óbidos, Mario Henrique de Souza Guerreiro, falou sobre a importância da implantação do projeto que dará ao pequeno produtor a possibilidade de uma renda legal e livre dos ilícitos ambientais. “Essa tem sido uma premissa, não a de fazer apenas a repressão, mas levar a informação. Infelizmente quando acontecem focos de queimadas a punição tem que ser adotada então é isso que nós queremos, tanto que nós lançamos este projeto nestas áreas que foram autuadas pelo IBAMA e como estas pessoas não têm condições de pagar uma multa de R$ 60 mil reais é mais simples educar e por isso essa ação conjunta denominada Focos da esperança”, enfatizou o prefeito


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.6%
10.1%
1.8%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
33.9%
1.5%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp