02/07/2018 às 16h40min - Atualizada em 02/07/2018 às 16h40min

Lewis Hamilton assume o seu lugar como o atleta mais bem pago do Reino Unido

Lewis Hamilton é considerado o atleta mais bem pago do Reino Unido e é o piloto mais bem pago de 2018 da lista da Forbes.

Por: Walmir Ferreira
MUNDO - O novo contrato de Hamilton cobrirá as temporadas de 2019 e 2020, com uma remuneração que pode chegar a US$52 milhões por ano, superando seu atual salário anual de US$42 milhões, mais os US$9 milhões que ele recebe como endossos. Ele já está classificado na posição 12 na lista da Forbes dos atletas mais bem pagos de 2018, e ele pode subir nos próximos anos graças ao seu novo contrato. Concordar com um terceiro ano, como normalmente seria o caso com os contratos dos pilotos, era impossível porque os regulamentos do esporte estão sendo redesenhados para 2021 e ninguém pode prever quais equipes estarão sobre rodas. No entanto, Hamilton continuará ganhando corridas e assinando contratos de patrocínio nos próximos dois anos, como confirmou o presidente da Mercedes F1, Niki Lauda, durante uma entrevista: "Lewis vai dirigir por nós."

Os ganhos milionarios de Lewis Hamilton


A recente lista de ganhos esportivos da Forbes colocou Hamilton à frente de Sebastian Vettel, que ocupa a 18ª posição, também com US$42 milhões como receita, mas apenas US$300 mil como endossos, e també
m à frente de Fernando Alonso, que tem US$32 milhões renda e US$1 milhão em endossos. O novo contrato de Hamilton estende seus ganhos financeiros com a Mercedes em cerca de US$11 milhões por ano. Ele continua
rá a fazer seus próprios acordos lado-a-lado com patrocinadores da Mercedes, como Tommy Hilfiger, Monster Energy e Puma, já que o Betway considera Hamiton como o favorito para vencer o campeonato de pilotos de 2018, com 71,4% das chances, a partir de 26 de junho. O salário melhorado de Hamilton também o coloca como o segundo maior ganhador da história da Fórmula 1. No entanto, essa edição poderia ser o contrato final de Hamilton, já que ele estará próximo dos 36 anos quando este terminar, mas o chefe da Mercedes admitiu que ele poderia perder Hamilton para a Ferrari um dia, de acordo com a Globo Esporte.

A competição pelas vitórias fora das pistas

Michael Schumacher lidera a lista com ganhos de carreira de US$1 bilhão, já que em determinado momento ele foi o segundo astro esportivo mais bem pago do mundo, com metade de seus ganhos vindo diretamente da Ferrari, enquanto em 2005 a revista EuroBusiness o classificou como o primeiro atleta bilionário. Sendo o piloto de Fórmula 1 mais condecorado da história, ele detém os recordes de mais vitórias na carreira, mais vitórias em uma temporada, mais pole positions de carreira, o maior número de vitórias consecutivas e mais. Atrás de Schumacher está o já mencionado Lewis Hamilton, que é o esportista mais rico da Grã-Bretanha, com um patrimônio estimado em US$280 milhões, e é um dos pilotos mais lucrativos de todos os tempos, ostentando acordos de patrocínio com a Monster Energy, Reebok e Santander, entre outros.

Os pilotos de Fórmula 1 com os maiores ganhos da história

Além de Schumacher e Hamilton, na terceira posição está Fernando Alonso, que começou a corrida de kart com apenas três anos e chegou ao estrelato no início dos anos 2000, depois de se tornar o mais jovem campeão de F1 e se tornou um dos nomes mais conhecidos do automobilismo. Seu sucesso foi grande o suficiente para lhe render um patrimônio estimado em US$220 milhões, mas sua carreira pode acabar em breve, já que, de acordo com a ESPN, ele quer um maior equilíbrio na Fórmula 1, para que ele possa ficar. Depois do piloto espanhol está Kimi Raikkonen, cuja carreira na Fórmula 1 começou em 2001, com um rápido número de sucessos, que o tornaram rival de Alonso e Schumacher, e o catapultaram para as grandes ligas, e também para muito dinheiro. Em 2009, ele foi nomeado como o segundo atleta mais bem pago do mundo, ficando logo atrás de Tiger Woods. Finalmente, o quinto piloto classificado entre os maiores ganhadores da história da Fórmula 1 é o francês Alain Prost, um dos pilotos mais ricos de todos os tempos, com patrimônio líquido estimado de US$185 milhões, graças a investimentos em ações, ativos substanciais e endossos a par com seus ganhos de corrida.
A Fórmula 1 é um negócio muito lucrativo para os pilotos mais rápidos do mundo, e de acordo com o ex-campeão mundial Jackie Stewart, durante uma entrevista para o site Motorsport.com, Hamilton ainda pode quebrar todos os recordes de Schumacher, e se tornar o número um de todos os tempos no esporte.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
23.0%
10.2%
1.3%
0%
0%
15.1%
1.6%
0.7%
35.5%
1.3%
4.3%
3.3%
1.3%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp