19/01/2021 às 10h35min - Atualizada em 19/01/2021 às 10h35min

Vereadores mantém veto do prefeito Jaime Silva, que suspende a regulamentação da insalubridade | Portal

Por 7 a 5 a decisão foi favorável a permanência do veto do prefeito

Por: Elton Pereira
ÓBIDOS - A votação aconteceu no plenário da câmara de vereadores de Óbidos, na manhã desta terça-feira (19), todos os vereadores estiveram presentes na seção para votar o projeto de número 089/2020, que trata sobre o pagamento da gratificação de insalubridades aos funcionários públicos da área da saúde. Lermbrando que os valores da insalubridade não estava sendo paga pela gestão passada e que não é a suspensão de pagamento, mas sim a regularização de como pagar.

O “sim” permanecia com o veto do prefeito Jaime Silva que barrava o pagamento da gratificação de insalubridade, o “Não”, derrubava o veto do prefeito e permaneceria o pagamento da gratificação aos profissionais.

Um a um os vereadores votaram de forma secreta, e por 7 a 5 a decisão foi favorável a permanência do veto do prefeito de Óbidos que suspende o pagamento do devido abono aos profissionais da saúde por entender que o processo não foi feito de acordo como deveria.

Em justificativa a suspenção do pagamento da gratificação dada pelo prefeito, foi de que o atual governo precisava saber de fato qual a real situação financeira do município e saber de qual forma isso irá impactar no orçamento do municipal, uma vez que a situação financeira de Óbidos não é das melhores.

Veja no ao vivo





Em seu pronunciamento após a votação, o presidente da câmara de vereadores, Jarlisson Barros de Aquino do PL (Jálico), disse está “Invergonhado” de ter participado do ato democrático, tão transparente quanto o que o elegeu como vereador mais votado, nas eleições de 2020. Um pronunciamento pouco democrático em respeito às decisões dos colegas.  


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.8%
1.7%
3.8%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp