12/08/2020 às 09h29min - Atualizada em 12/08/2020 às 09h29min

Volkswagen Golf conheça a história | Portal Obidense

Ma foEsportividade com alto desempenho, conheça a história do Volkswagen Golf

Por: Walmir Ferreira
BRASIL - No início da década de 70, Kurt Lotz e Rudolf Leiding, decidiram rever algumas características da marca, como o modelo do motor na parte traseira e a suspensão por meio de barras de torção, protegida e mantida por Heinrich Nordhoff até 1968, por não conseguir convencer seu público, pois estava mais interessado na confiabilidade dos motores movidos a líquido nas suspensões com molas helicoidais. O fracasso dos veículos como o do Tipo 4, nos anos 60, deixou claro que a fábrica até então Wolfsburg precisava inovar.
 
Devido a sua popularidade a nível mundial, o conhecido Fusca, levou cerca de 50 anos para atingir 20 milhões de unidades fabricadas. Um dos modelos descendentes necessitou de apenas 25 para chegar a este marco e continua firme na produção, obtendo o marco de 30 milhões: o modelo Golf, é um sucesso da Volkswagen que completou 46 anos de mercado este ano.
 
Golf II
 
A segunda geração do Golf teve sua estréia em 1983. Além de possuir um espaço interno maior, o hatch recebeu inovou em tecnologia no decorrer dos anos, por exemplo, o catalisador usado em 1984, os freios ABS em 1986, direção hidráulica e até mesmo tração integral no ano de 1986.

Golf III

A terceira geração do Golf surgiu em 1991, dando ênfase à segurança que esse veículo possuía para a época. Um ano depois, o modelo recebeu airbags dianteiros. E, quatro anos depois, airbags nas partes laterais. Foi durante essa geração do Golf que foi criada a versão VR6, com motor de seis cilindros em formato de V. Uma novidade incluída no veículo ainda nos anos 90 foi o velocímetro. O ABS, ainda era um item opcional nessa segunda geração, passou a ser um item de série a partir do ano de 1996. Foi também nessa geração que a perua Golf Variant surgiu.

Golf IV

A quarta geração do Golf chegou no ano de 1997, em uma época que a Volkswagen estava criando um novo design para os seus veículos. Desenhado por Hartmut Warkus, o chefe de Design da Volkswagen, linhas claras e necessárias foram colocadas no Golf. O veículo só veio a receber um controle de estabilidade no ano de 1998. Neste mesmo ano, surgiu o sistema de tração integrada, chamado 4Motion. Em 1999, o controle de estabilidade se tornou um item de série no Golf até então vendido só na Alemanha. Em 2002, o modelo recebeu motor com injeção direta à gasolina airbags estilo cortina. Neste mesmo ano, a Volkswagen lançou um modelo esportivo, o R32 que chegava a 250 km/h, sendo o primeiro modelo a adotar o câmbio de dupla embreagem, em 2003.

Golf V

O Golf da quinta geração teve sua estréia em 2003, trazendo uma novidade na solda da carroceria. Segundo a própria Volkswagen, foi graças ao uso dessa tecnologia que a robustez do modelo aumentou em cerca de 39% em relação à sua geração anterior. Em termos de confortabilidade e estabilidade, a geração V iniciou uma nova suspensão traseira chamado four-link, com câmbio automático de dupla embreagem e 7 marchas, faróis bi xenônio e teto solar panorâmico.
Mas em 2004, foi estreado o primeiro Golf GTI com motor turbo com injeção direta. Dois anos depois, a Volkswagen lançou o primeiro TSI que conciliava o turbo com o compressor mecânico. Outras versões que fizeram história foram o Golf Plus, o CrossGolf e o BlueMotion.

Golf VI

A sexta geração do Golf durou apenas quatro anos, entre 2008 e 2012, e inovou nos quesitos de segurança, sendo o hatch que recebeu cinco estrelas no crash tests da EuroNCAP. Uma de suas inovações foi o airbag de joelhos para condutores. O modelo ganhou outras tecnologias como estacionamento automatizado e auxílio de partida em rampas.

Golf VII

A sétima geração do hatch Golf teve sua estreia em 2012, tendo como novidade a  redução de peso na carroceria. Tudo isso graças ao uso de aços com alta  resistência, o modelo ficou 100 kg mais leve. Isso beneficiou no consumo e no desempenho. O modelo passou a ser produzido pela Volkswagen Brasil em 2016.
 
Oitava geração do Golf
 
A oitava geração do Golf é a mais recente. A missão da Volkswagen foi renovar com o novo Golf e segundo a fabricante, foi algo bem complicado de se conseguir. Pois para criar essa geração do Golf, ela precisou começar pela parte de baixo do veículo. Desde a plataforma modular MQB que foi reestilizada para permitir o uso de um sistema híbrido de 48V até o gerador que disponibiliza energia para o carro em determinados momentos como durante as saídas e acelerações.
 
Essa nova versão da plataforma será introduzida em outros carros da marca futuramente. A arquitetura restaurada alterou um pouco o tamanho do Golf. Atualmente este mede 1,7 de largura, 1,4 de altura e possui entre-eixos de 2,6. Comparando-o com o Golf 7 que ainda é comercializado no Brasil que tem 1,8m de largura, 1,4m de altura e mantém o 2,6m de entre-eixos. A Volkswagen relata que fez o possível para melhorar o  coeficiente aerodinâmico, com um CX de 0,275. A Volkswagen está tão empenhada em inovar a parte elétrica que relata que o Golf será o primeiro carro da marca a ser lançado em cinco versões híbridas, três no sistema leve de 48V e duas com motorização de plug-in e contará com outras versões equipadas apenas com motores à combustão, tanto à gasolina quanto à diesel e até mesmo gás natural.
 
 
Gostou deste artigo? Compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas saibam a história do Volkswagen Golf.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
23.0%
10.2%
1.3%
0%
0%
15.1%
1.6%
0.7%
35.5%
1.3%
4.3%
3.3%
1.3%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp