26/04/2018 às 14h06min - Atualizada em 26/04/2018 às 14h06min

Presidente do STPMO fala sobre a possibilidade de a classe deflagrar estado de greve caso problema de atraso salarial venha novamente afetar o funcionalismo.

Por: Elton Pereira

ÓBIDOS - A crise financeira pela qual o município de Óbidos passa, tem feito com que aquele velho problema de atraso salarial fique cada vez mais notório, mesmo com todos os esforços do governo municipal para resolver a situação não se sabe dizer ao certo o porque que o problema ainda não foi solucionado e com isso vive atingindo a classe dos servidores públicos, por outro lado a classe tem buscado de todas as formas possíveis, pressionar o governo para que o mesmo possa achar uma solução para essa problemática que é importante que se diga não é de agora que vem acontecendo a várias gestão.

Em outro momento o gestor municipal alegou que esse caso (atraso salarial) se deve muito por conta da demora no repasse da verba por parte da união, e em contraponto a isso, o presidente alega que o governo desrespeita a própria lei orgânica do município quando não acata o que determina a mesma que rege do pagamento do salário da classe deve ser efetuado até o 5º dia útil do mês subsequente.

Em meio a tudo isso os funcionários públicos associados ao sindicato dos trabalhadores públicos municipais de Óbidos (STPMO) tem verificado a possibilidade de deflagrarem estado de greve caso a situação volte a ocorrer.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.8%
1.7%
3.8%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp