10/04/2021 às 21h55min - Atualizada em 10/04/2021 às 21h55min

Balneários e chácaras em Óbidos foram interditados | Portal Obidense

A ação aconteceu depois de várias denúncias de aglomerações principalmente em balneários no último domingo

Por: Ezequiel Silva


ÓBIDOS - Na tarde deste sábado (10), uma operação de conscientização em combate a Covid-19, foi realizada pela Vigilância Sanitária (ANVISA) nos balneários do município, com o intuito de combater as aglomerações principalmente em chácaras e balneários, a operação foi em conjunto com Defesa Civil, Demutran, SEMMA e Polícia Militar, a ação aconteceu após várias denúncias de desobediência no decreto que proíbe o funcionamento dos mesmos.
 
Tenente J. Moura falou sobre os procedimentos de conscientização nesse momento: "A polícia militar em conjunto com os órgãos fiscalizadores aqui do município de Óbidos, estamos em operação, com o intuito de coibir os desmandos, que de uma forma estão indo de encontro com o decreto municipal do poder público, estaremos percorrendo os balneários para que seja feita os procedimentos cabíveis de interdição dos mesmos para combater as aglomerações nesses locais". Disse Tenente J. Moura.
 
O ponto principal foi balneário Curuçambá localizado no KM 8 da PA-437, depois de vários vídeos circularem pelos grupos de Whatsapp do município, mostrando a multidão que se formou no último domingo no local, a ação nesse primeiro momento foi apenas de orientação.


 
Ao chegar a caravana de fiscalização em um dos principais cartões postais, flagramos várias pessoas de banhando nas águas do igarapé, desobedecendo os protocolos sanitários, o igarapé e suas barracas foram todos lacrados, Darlan Ferreira falou sobre a interdição  e advertiu aqueles que descumprem o decreto: "Nós estamos fazendo esse serviço, vimos que semana passada vários vídeos repercutiram negativamente, então as pessoas não estão respeitando o decreto, mediante isso estamos lacrando os balneários, com esse procedimento já deixamos a advertência verbal a população, que já foi orientada várias vezes, a partir de hoje quem for flagrado nesses locais mesmo que interditados serão punidos mediante a multa fazendo assim cumprir o decreto." disse Darlan Ferreira.
 
Segundo o coordenador de Defesa Civil Jamerson Amaral, cada um tem que fazer seu papel no combate ao vírus invisível: “as pessoas infelizmente ainda não querem entender que em certas situações estamos trabalhando ao longo desse tempo, estamos a quase dois anos falando, explicando e orientando a população que não pode aglomerar, mas infelizmente não é isso que estamos vendo no momento, pedimos que respeitem mais, se cuidem mais, porque as fiscalizações serão mais intensas e mais duras." Disse Jamerson Amaral
 
Seu Júnior que é o proprietário do estabelecimento do Curuçambá, ressaltou a importância de respeitar o decreto, o que pode também prejudicar os seus negócios justamente pela Irresponsabilidade das pessoas que invadem o local, mesmo com as restrições: "eu trabalho aqui e tá isolado no momento, agora eu quero pedir que tenha justiça para todo mundo, não é só aqui que existe banho, tem outros igarapés e chácaras que aglomeram, eu faço minha parte para não prejudicar meu estabelecimento." Disse Júnior do Curuçambá.
 
A partir de hoje quem for flagrado desobedecendo o decreto, será punida mediante a multa, isso também vale para quadras poliesportivas e campos de futebol.



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp