14/03/2023 às 17h13min - Atualizada em 14/03/2023 às 17h13min

Final do período de defeso para oito espécies no Pará | Portal Obidense

O defeso é previsto em legislação ambiental para proteger o tempo de reprodução das espécies, uma época em que só pode ser praticada a pesca de subsistência

Por: Elton Pereira
Final do período de defeso

ÓBIDOS- O período de defeso começou no dia (15) de novembro de 2022, e encerra neste dia 15 de março de 2023, nas Bacias Hidrográficas dos rios Amazonas, Tocantins, Gurupi e Araguaia. Durante esse período, são proibidas as pescas das espécies pirapitinga (Piaractus brachypomus), curimatá (Prochilodus nigricans), mapará (Hipophthalmus spp), aracu (Schizodon spp.), pacu (Myleus spp. e Mylossoma spp.), jatuarana (Brycon spp), fura calça (Pimelodina flavipinnis) e Branquinha (Curimatá amazônica, C. inorata), segundo determinação do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama). O início do defeso é estabelecido durante o período reprodutivo das espécies, anualmente.

Diego Ferreira, Secretário de Meio Ambiente(Semma) em Óbidos, falou sobre o principal objetivo do defeso, proteger reprodução natural dos peixes. "Com objetivo de garantir a reprodução das espécies, o defeso tem um papel primordial para a perpetuação do pescado, por isso, durante essa época nos intensificamos as ações nos lagos e rios da região. Garantir a proteção dos períodos de reprodução das espécies, nossas ações têm essa finalidade”, afirmou o Secretário de Meio Ambiente.



Durante o período do defeso das espécies, pescadores artesanais associados as suas respectivas representatividades, recebem junto ao governo Federal, 4 parcelas no valor de um salário mínimo, que serve como fonte de renda para que possam respeitar o período da desova dos pescados em proibição. A liberação da pesca das 8 espécies, marca também uma corrida para os rios e lagos da região, quando milhares de pescadores buscam adquirir o pescado e assegurar sua renda.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp