09/10/2022 às 17h49min - Atualizada em 09/10/2022 às 17h49min

Grande Mestre do xadrez, “Mequinho”, visita Amazônia pela 1ª vez durante evento internacional da modalidade | Portal Obidense

Mequinho esteve no primeiro dia do Torneio de Xadrez Solidário, onde autografou seus livros publicados e jogou uma partida simultânea com mais de 20 jogadores

Da Redação
Portal Obidense
Portal Obidense
AMAZONAS - O primeiro dia do Torneio de Xadrez Solidário, realizado neste sábado (8), contou com a presença de um grande ícone da modalidade no Brasil e no mundo, Henrique Mecking, conhecido como ‘Mequinho’. Ele esteve no Millenium Shopping durante a tarde, autografando livros e jogando uma partida simultânea com crianças e adolescentes que sonham em seguir carreira no esporte.
 
“Eu estou muito feliz de ter sido convidado para vir a Manaus compartilhar um pouco da minha experiência com tantos jovens e jogadores de xadrez. Fico muito grato de poder dar esse incentivo à prática de um esporte que auxilia tanto no desenvolvimento das crianças”, revelou Mequinho.

Henrique Costa Mecking nasceu em Santa Cruz do Sul em 1952, e é conhecido internacionalmente desde que alcançou a sua melhor pontuação. Em 1977, ele alcançou o terceiro lugar no ranking da Federação Internacional de Xadrez (FIDE).  Sua brilhante ascensão e inúmeras vitórias o renderam diversos títulos e o título de Grande Mestre, além de reconhecimento mundial.

De acordo com o presidente da Federação Amazonense de Xadrez (FAX), Rudson Peixoto, a vinda de uma figura tão importante é um grande incentivo para que outros nomes venham ao nosso Estado e que a sociedade no geral se interesse pelo esporte.

“Ele vir aqui nesse momento em que fazemos esse trabalho especialmente voltado para crianças é um momento de muita alegria e, ao mesmo tempo, é muito simbólico porque incentiva outras pessoas a jogarem, pais a trazerem seus filhos e, além disso, demonstra a importância dos benefícios que a prática traz às crianças e adolescentes”.

Partidas

Durante a manhã inteira e o início da tarde, cerca de 70 crianças e adolescentes estiveram na praça de alimentação do centro comercial competindo durante cinco rodadas. Ao final do torneio, e antes da partida simultânea, os participantes foram premiados com troféus e medalhas.

Thomaz Farias, de 6 anos, foi um dos premiados com um troféu na categoria SUB-8. O torneio solidário é o terceiro que ele participa esse ano. O jovem atleta afirmou estar bastante animado para participar de outras competições e ganhar uma medalha de ouro.

Quezia Amaral, mãe de Thomaz, revela que a habilidade e interesse do menino, que começou a jogar aos três anos, “estão no sangue”.

“O Thomaz começou a jogar quando era bem novo. Aos três anos, ele ficou interessado ao me ver jogando e eu comecei a ensinar alguns movimentos para ele. O curioso é que eu também fui ensinada por alguém da família. Aprendi tudo através do meu irmão. O xadrez é de berço”.

O primeiro dia do torneio foi finalizado após a realização da partida simultânea entre Mequinho, 24 crianças menores de 15 anos e o presidente FAX, Rudson Peixoto. 

Programação

No domingo (9) será realizado o segundo dia do evento a partir das 14h com um torneio de partidas rápidas entre o Grande Mestre Mequinho e jogadores de todas as idades. Na segunda (10), será a abertura do torneio internacional Manaus Chess Open - que reunirá representantes de oito países e 17 estados brasileiros no Novotel, no Distrito Industrial.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp