19/01/2021 às 11h19min - Atualizada em 19/01/2021 às 11h19min

Prefeito delegado Fonseca esclarece vacinação contra covid-19 em Oriximiná | Portal Obidense

Campanha inicia nesta semana para profissionais da saúde e indígenas

Por: Eli Junior
Prefeito de Oriximina na reepção da vacina | Foto: Eli Jr.
ORIXIMINÁ - A chegada das doses da vacina contra a Covid-19 gerou grande expectativa na população brasileira. Em Oriximiná, o pouso da aeronave foi recepcionado pelo prefeito Delegado Fonseca, pela equipe de profissionais da saúde e Polícia Militar, responsável pela escolta das doses.

Ao todo, foram destinadas 1780 doses da Coronavac para o município de Oriximiná, nesta primeira fase da campanha de vacinação. A estratégia montada pela equipe da saúde segue um rigoroso planejamento de imunização dos profissionais considerados na linha de frente de enfrentamento à doença.

No domingo, 17 de janeiro foi aprovada a vacina pela Anvisa, Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Inicialmente, estava previsto para a primeira fase de vacinação 935 doses para os profissionais da saúde. O número reduzido fez com que a secretaria Municipal de Saúde elaborasse um novo planejamento de vacinação. Ao todo, 330 doses serão voltadas aos profissionais da saúde e 1450 aos povos indígenas.

Não há uma previsão para a segunda fase da campanha, até o momento.



"A vacina é uma grande ferramenta de combate, hoje à Covid-19. Mas, é imprescindível que todos possamos continuar com as medidas de prevenção ao usar máscaras, álcool em gel para higienizar as mãos e evitar aglomerações." Informou Carlos Beta, coordenador de Vigilância epidemiológica.

"Hoje, todos na atenção básica ou hospitalar são extremamente importantes. Ontem, recebemos a informação da destinação das doses da Coronavac para o município de Oriximiná. Esperamos que todos os profissionais da saúde sejam vacinados. Esses profissionais estão na linha de frente." Esclarece Rayane Santos, secretária de Saúde.

Os primeiros a serem vacinados serão os profissionais dos hospitais, local onde ocorrem mais internações. A Vacina coronavac foi aprovada pela Anvisa e seu efeito é de 12 a 15 dias. A expectativa é vacinar toda a população em até 12 meses.

A vacina teve um baixo índice de eventos adversos. Mas, a Coronavac não foi testada, ainda, em menores de 18 anos e gestantes. Hoje (19) ou mais tardar amanhã (20) daremos início a vacinação dos trabalhadores da saúde e indígenas. A segunda fase atenderá idosos e profissionais de segurança. Só vai iniciar uma fase assim que concluir a outra." Explica o Prefeito Delegado Fonseca.
Com uma quantidade reduzida de doses haverá a priorização dos profissionais da saúde e indígenas imunizados. O que não diminui a perspectiva de dias livres da Covid-19.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.6%
10.4%
1.2%
0%
0%
15.3%
1.5%
0.6%
34.6%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp