05/06/2020 às 15h11min - Atualizada em 05/06/2020 às 15h11min

Sejamos todos sentinela da Amazônia

Cuidar do meio ambiente é um dever de todos nós

Por: Everaldo Farias
Everaldo Farias é ativista ambiental e ex-vereador de Manaus.
A Semana do Meio Ambiente é uma oportunidade para reflexão sobre o rumo que estamos dando para o nosso meio ambiente. Para nós, povos da Amazônia, as questões ambientais são mais próximas. Fazem parte do nosso cotidiano. Cuidar do meio ambiente é um dever de todos nós, por isso, é importante estarmos atentos a tudo que diz respeito às políticas públicas voltadas para as nossas riquezas naturais, principalmente agora, com o atual ministro à frente do Ministério do Meio Ambiente.

Para quem não se atentou, o atual ministro do meio ambiente, Ricardo Salles, na reunião ministerial que veio a público recentemente, proferiu palavras que preocupam o futuro da Amazônia. Na prática, o que o ministro propôs é a flexibilização da legislação ambiental, que proíbe entre outras coisas, o desmatamento, o uso indevido dos recursos hídricos, estabelece normas para a manutenção de Área de Preservação Permanente (APP) e Reserva Legal (RL).

Em sua fala, o ministro Ricardo Salles sugeriu que presidente da república aproveite esse período de pandemia do coronavírus para “ir mudando todo o regramento e simplificando normas, de Iphan, de Ministério da Agricultura, Ministério do Meio Ambiente, ministério disso, ministério daquilo”. Quem assiste a esta fala do ministro e entende a importância da nossa legislação ambiental para a preservação das nossas riquezas naturais, da importância da proteção às terras indígenas, fica perplexo com tamanha displicência de um ministro que deveria estar preocupado em assegurar a proteção e o desenvolvimento das terras amazônicas de maneira sustentável e respeitosa.

Em março deste ano o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) divulgou um alerta informando que no Amazonas, por exemplo, foram desmatados 73km² de florestas. Esse dado é preocupante e mostra mais uma vez que nossas políticas públicas, voltadas para o meio ambiente, precisam proteger nossas terras, rios, florestas, povos. É preciso atentar para as ações do governo federal como a Medida Provisória (910/2019) que dá mais benefícios para invasores de terras públicas - a grilagem. Não podemos deixar “a boiada passar”, como propõe o ministro Ricardo Salles. Precisamos ficar em alerta como sentinela, que sob qualquer suspeita de ataque, aciona o grupo para proteger o seu espaço. 

Everaldo Farias é ativista ambiental e ex-vereador de Manaus.



 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
23.0%
10.2%
1.3%
0%
0%
15.1%
1.6%
0.7%
35.5%
1.3%
4.3%
3.3%
1.3%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp