06/11/2018 às 18h31min - Atualizada em 06/11/2018 às 18h31min

Delegado da Policia Civil apresenta suspeito de conduzir a moto no dia da execução do comerciante Edvan Teixeira

Com o autor dos disparos Wellington Ferreira dos Santos preso, a polícia apresenta o suspeito que estava conduzindo a moto, mas as investigações continuam para chegar ao autor intelectual do crime.

Por: Márcio Garcia
Foto: Polícia Civil
ORIXIMINÁ – Nesta terça-feira (06) a polícia civil chegou ao fim das investigações sobre a morte do comerciante Endvan Teixeira, executado com 3 tiros dentro de seu comercio no dia 25 de outubro por volta das 15hs.

Após terem a certeza foi solicitado o mandato de prisão contra Aronilson, conhecido como Curió, sendo o condutor da moto que leva Wellington Ferreira para matar o comerciante.

Saiba mais CLICK AQUI

Assim chega ao fim, do caso onde os executores, que participaram do crime foram colocados na cadeia, como de costumes e não ter problema no centro de detenção o acusado negou que estava conduzindo a moto. Mas a polícia tem provas e o delegado afirmou que não tem dúvida da participação deles no crime. As investigações continuam a polícia quer saber quem foi o mandante, ou seja, o autor intelectual desse crime bárbaro, a polícia suspeita que a ordem saiu de dentro do presídio.

O delegado Fonseca, gentilmente atendeu nosso correspondente do Portal Obidense e falou sobre a prisão de Curió: “Concluímos hoje esse inquérito e remetemos pra justiça, foram 13 dias de investigação, no dia 27 prendemos Wellington autor dos disparos, estava fugindo para a cidade de Óbidos, já sabíamos da participação desse piloto, então fizemos um trabalho de identificação o Aronilson era um dos principais suspeitos, levamos ele até a delegacia e fizemos várias fotografias com ele para então se fazer a perícia iconográfica e o resultado foi positiva comparando com a imagem captadas no dia do crime, sobretudo em relação uma cicatriz e um desenho da panturrilha dele, ele foi conduzido hoje até a delegacia, com um mando de prisão preventiva depois do parecer do MP favorável ao nosso pedido. Ele estava num bar, que fica próximo à casa da avó dele, onde ele estava morando, estamos sempre pedindo a população que confie no trabalho da polícia, nos ajude com informações, nós somos o lado bom da força”

As diligências continuam, algumas pessoas ainda serão ouvidas e agora precisamos descobrir o autor intelectual do crime.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp