22/11/2017 às 12h22min - Atualizada em 22/11/2017 às 12h22min

Os paraenses cantor de Carimbó Pinduca e o bregueiro apaixonado Wanderley Andrade, estão em Manaus, para receber o titulo de cidadão do Amazonas.

Por: Walmir Ferreira
Arte: Divulgação

MANAUS – Uma grande personalidade paraense, receberá nesta quarta-feira (22) na Assembleia Legislativa do amazonas, o título de cidadão do Amazonas.

Pinduca, é um dos maiores representantes da cultura popular no Brasil. Cantor e compositor, o “Rei do Carimbó” (como é carinhosamente conhecido em todo Brasil) criou ritmos, como: Sirimbó, Lári-Lári, Lambada e Lamgode.

Ele já gravou mais de 40 discos mais de 50 anos de carreira. Desde 1973, quando gravou seu primeiro disco. Pinduca divulgou seus ritmos em vários países: Bolívia, Peru, Colômbia, Angola, Guiana Francesa e fez um grande sucesso na excursão realizada em agosto de 2000 para Alemanha, com sua banda completa, onde participou do festival de música brasileira HEIMATRLANGE.

Nascido em São Miguel do Jarí, Distrito de Almeirim, Brasil, Wanderley Andrade canta desde os 14 anos de idade, quando começou, como calouro, em apresentações nas matinées dos clubes da cidade. Inspirado pelo som dos Beatles e Elvis Presley, foi crooner de bandas, ganhou concursos de karaokê,e seguiu uma longa carreira que registra shows em casas noturnas e hotéis de grande porte. Sempre cantando para diversos públicos, principalmente turistas, o que lhe deu a experiência de interpretar em inglês, espanhol, francês e italiano. Seu maior hit é O melô do Ladrão.

O Rei do Carimbó e O Rei do Brega, recebem nesta quarta-feira, 22 de novembro de 2017, em uma sessão especial na Assembléia Legislativa do Amazonas, o título de CIDADÃO DO AMAZONAS, no Plenário Ruy Araújo, às 11:30h.

O projeto (Pinduca) é de autoria do Deputado Sinésio Campos, que é natural de Santarém- Pará e de Deputado David Almeida (Wanderley Andrade).

Natural da cidade de Igarapé-Mirim, interior do Estado, é de uma família de músicos, seu pai José Plácido Gonçalves, falecido no dia 06/09/1997 com 103 anos, era professor de música, foi com ele que Pinduca aprendeu as primeiras notas musicais. Sua mãe Luzia Tereza de Oliveira Gonçalves, falecida em 04/02/1997 aos 96 anos, teve 13 filhos: 9 homens e 4 mulheres, e todos sabem tocar algum instrumento musical, alguns seguiram carreira profissional. Seu José e dona Luzia foram inspiradores para os carimbós de Pinduca.

Através do seu trabalho o Carimbó hoje é Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp