19/07/2017 às 15h13min - Atualizada em 19/07/2017 às 15h13min

Familiares amigos e muitos convidados se reuniram no sítio Vista Alegre para os laços matrimoniais de Odilson e Edileide.

A cerimônia religiosa aconteceu dia 12 na igreja de São Pedro em Óbidos e a recepção dos convidados foi dia 15 na localidade do Buiuçu.

Por: Walmir Ferreira
Foto: Portal Obidense - Sitio Vista Alegre - Odilson e Edileide

BUIUÇU – Um lugar, muito especial, onde a natureza foi e continua sendo generosa, um paraíso dentro de uma cidade que é encantadora, onde os verdes de uma mata que apesar de alguns lugares já habitado, mas continua preservada, várias espécie da fauna e flora, encantam qualquer visitante, margeada por um lago rico em peixe, que por muitos anos sustentou famílias inteiras e continua alimentando. Lá o vento te dá uma sensação que te abraça, o Sol proporciona um brilho diferente, nas manhãs e no final do dia quando se olha um infinito Céu no Horizonte é de apaixonar e pensar e repensar na vida, como se o tempo parasse e te desse um tempo para formatar a vida e corrigir os erros e aprimorar os acertos, para se ter uma ideia poderia falar aqui infinitos sinônimos, mas nem perto chegaria de estar lá para saber o como tudo isso é verdadeiro e existe.

Nesse lugar, centenas de convidados, puderam ser testemunha da confirmação de uma união já consolidada e estável a mais de 5 anos, como prêmio, dois lindos casal de filhos, mas que precisava ser confirmada conforme o que manda a igreja católica como sacramento de amor e fé, o matrimonio.

Como esposo Odilson, como esposa Edileide (Santa), o casal posou com toda paciência para eternizar o momento registrado em fotografias com amigos.

No lugar além do belo natural, contou com os toques da decoração de Marcio Ferreira, que deixou um ambiente com as cores do amor propício para a ocasião.   

O almoço foi servido logo após a já casada Santa, jogar o bouquet para que muitas moças e senhoras pudessem disputar a oportunidade, quem sabe de viver um novo sonho, para muitos instituição já ultrapassado, para outros o meio de sustentação familiar, o casamento.

A culinária foi fartamente servida aos presentes que puderam escolher na diversidade culinária obidense o prato que lhe agradaria mais, pato guisado, galinha caipira, maniçoba, tartaruga, sarapatel, suíno assado entre outros.

A festa que iniciou pela manhã, ultrapassou a noites, quando a revoadas das garças anunciava o entardecer do dia e a chegada da noite com um lindo luau.

Sessão Língua de Fogo

Mas disque, que no meio onde estava a família Ferreira coisa boa estava para acontecer!

- Na dança Almir (Neguinho), pisou logo no pé de seu par, que resolveu desistir da dança, só naquele momento... deve ter doído demais! / com o pé machucado ela elegantemente pediu para parar que o salão estava muito cheio, na conferencia tinha apenas 3 casais / O casal Ivo e Sônia na dança do Arrocha e aperta, foram até o chão e quase que não voltavam mais... ôoo sacrifício! / os homens estavam todos receosos com medo da Zagaia da Marleia, e não entraram na água, para brincar de Submarino / Dona Raimundinho mãe do noivo, com mais de 70 anos dançou com todos, isso porque o cantor era seu filho o casado Odilson, veja só / O Inocêncio, só

queria está na gelada, tomando todas, e a Alcione Mordida querendo dançar quase da confusão / O tigrão foi fazer o papel do dançarino puxando a Alcione pra dançar e quase desmancha todos os laços de sua blusa / sobre a blusa foi preciso quase meio hora para a Marleia conseguir refazer os laços da blusa da Alcione /  O primo Osmar foi eleito o Carlinhos de Jesus só parou de dançar quando dormiu / O Estélio Matos (Ascliba) tava muito quieto, com o olhar atento da Loira sua esposa / o Ivo só queria ta filmando sua irmã Sônia, para mostrar pra tia Lady e pro João, era a prova que ela estava tomando todas / Na contra partida a Sônia me confidenciou que nem bebeu, tomou umas de leve.... / a Rosa, estava só na mutuca, olhando muito para um local, mas o língua de fogo não descobriu o que era ou quem era! / A Sonia relembrou os velhos tempos e arrochou a dançar a música, ”Ela é Americana” /
Osmar e Raimundo estavam engraçados de boné do Quiko e Chaves / O Odilson cantou mais de uma hora e meia e quem recebeu o cachê foi o foguinho / Quando o som parou quem renegociou o contrato foi o Inocêncio imagino o desespero do cantor, pois o som não podia parar / para que a festa continuassem, foi chamado para fazer o Show o Claudio Leite com o tema – Não pára, não pára, não pára! / O Marquinho marido da Iza fugiu pra outra festa na madruga, não se  sabe quem ele puxou pra dançar na hora da rodada, pra dar o show a mulher levantou o braço e ninguém aguentou a catinga / O gordo da Nizete, foi fechar o bar, botaram ele pra fora da roda de dança e o baile continuou / A Graça do Mauro, ficava de olho nas crianças e mentiu a festa toda dizendo que o Ivo, a Sônia e Rosa eram lindos quando crianças! / A Raquel e o Junior, só foram fazer a boquinha e saíram de mansinho / carapanã encheu voou / O tigrão, estava no meio da mulherada para pegar o bouquet da noiva e levou logo o ralho dele / para continuar a festa desta vês em Manaus com o aniversário do Primo Raimundo dia 20 de outubro e o Portal Obidense com sua Língua de Fogo, já confirmou presença!

No outro dia estava todo mundo lá e a onda continuou até a noite chegar.

No link abaixo as fotos com vários registro do casamento, festa e natureza lá do sítio Vista Alegre e mais abaixo um video.

CLICK AQUI veja mais de 200 fotos do local


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp