02/02/2017 às 17h21min - Atualizada em 02/02/2017 às 17h21min

Prefeitura de Óbidos abre licitação para contratação de estrutura, bandas e ornamentação do Carnapauxis

O aviso da abertura do prazo de inscrição das empresas interessadas foi divulgado na edição de hoje do Diário Oficial da União (DOU).

Por: Érique Figueirêdo
Ascom/PMO
Foto: Portal Obidense

ÓBIDOS - A Prefeitura Municipal de Óbidos, no oeste do Pará, abriu nesta quinta-feira (2), três processos licitatórios na modalidade pregão presencial, para contratar a estrutura do Carnapauxis, considerado o maior carnaval de rua da Amazônia, que em 2017 completa 20 anos de história.

Com um formato diferente dos anos anteriores, a licitação das estruturas de som, palco, iluminação, camarotes, bandas, trio elétrico e ornamentação, serão desmembradas em lotes. A intenção do Governo Municipal é aumentar a concorrência para reduzir os custos do evento, que em 2016 ultrapassou o cifra dos 700 mil reais.

O pregão de nº001/2017 – PMO – SEMCULT que será realizado no dia 14 de fevereiro, é referente as estruturas de palco, sonorização, iluminação,

segurança, camarotes e do espaço Fobó, uma das novidades para a edição deste ano do carnaval obidense.

O pregão de nº003/2017 – PMO – SEMCULT é referente a contratação de Banda Musical com Trio Elétrico para realizar tocatas nos seis dias oficiais do evento, no período de 23 a 28 de fevereiro. O certame será realizado no dia 16 de fevereiro.

O último pregão de nº004/2017 – PMO – SEMCULT, tem como objetivo a contratação de pessoa física para realizar a ornamentação do Carnapauxis. A realização do pregão do terceiro lote está marcado para o dia 15 de fevereiro.

A concorrência prevê um valor mínimo de R$ 450 mil para a realização do Carnapauxis, já que além das mudanças no processo licitatório houve também a diminuição de camarotes e do palco. As inovações como o Espaço Fobó, uma espécie de área Vip que será colocada onde antes ficavam as barracas, não representará gastos significativos no orçamento final. A entrada nesse espaço será cobrada e ajudará na arrecadação de recursos para custear o evento.

De acordo com o secretário de cultura, Luiz Carlos Queiroz, outras formas de arrecadação estão sendo criadas para que o maior evento cultural de Óbidos passe a gerar receita. “Nós entendemos que um evento com essa magnitude não pode apenas gerar despesas, por isso vamos mudar também a forma de arrecadação de recursos com a venda de camarotes; venda de espaços para as barracas e outras taxas que são cobradas para quem trabalha no evento e ao entorno dele. Essa arrecadação passará a ser responsabilidade do setor de tributos da prefeitura”, informou Luiz Carlos.

Ao menos cinco empresas da região e de outros estados demonstraram interesse na prestação de serviço para estruturar a arena do “Fobodromo”, local onde são realizadas as concentrações dos sete blocos que compõe o Carnapauxis.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.8%
1.7%
3.8%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp