24/01/2024 às 08h37min - Atualizada em 24/01/2024 às 08h37min

Marajó e Alter do Chão, no Pará, estão entre os destinos mais procurados pelos brasileiros em 2024

Dados são da pesquisa "Tendências de Turismo" do Ministério do Turismo

Da Redação
Ag Pará

Portal Obidense  Publicidade 790x90

Fotos: Ag Pará
 

PARÁ - A Ilha do Marajó e Alter do Chão, em Santarém, no oeste do Pará estão entre os destinos turísticos que os brasileiros têm mais interesse em visitar neste ano de 2024, conforme aponta a Pesquisa "Tendências de Turismo", divulgada na última segunda-feira (22), em Brasília, pelo Ministério do Turismo. A pesquisa inédita revela as tendências do turismo para este ano e para o período do verão (de dezembro de 2023 a março de 2024).

No ranking que mostra os 15 destinos de maior interesse, a Ilha do Marajó aparece em 10º lugar com 5% da preferência e Alter do Chão em 15º, com 4% da opção dos viajantes. 

"Tanto Alter do Chão quanto o Marajó são destinos únicos e paradisíacos que todos devem conhecer. Essa pesquisa é fundamental para que tenhamos um norte sobre o turista brasileiro, suas preferências, como busca um destino e também para construção de políticas públicas integradas de turismo. Essa análise também será um guia para as agências de viagens, para o trade turístico paraense", sinaliza o secretário da pasta do Pará, Eduardo Costa. 

Destino Brasil - Para 97% dos brasileiros, o destino das viagens de lazer no verão serão no Brasil. As preferências dos roteiros são sol e praia em primeiro lugar com 51%, em segundo rural/campo, com 9%, ecoturismo 9%, saúde e bem estar 5%, diversão noturna com 5% e aventura 4%. Um a cada três brasileiros devem viajar no verão. 

A pesquisa aponta ainda que as regiões Nordeste e Sudeste são os destinos preferidos para as férias de verão dos turistas com 42% e 41% respectivamente da preferência. A região Norte aparece com 5%.

O ministro do Turismo, Celso Sabino destacou a relevância dos novos dados para o setor. "As agências de viagens vão buscar informações nessa pesquisa divulgada agora, para o seu planejamento, em termos de construção de novos produtos turísticos, de novas rotas turísticas, saber o que é o sentimento do mercado, o que o turista busca e, sem dúvida nenhuma, esse Verão agora que já começou vai ser o melhor Verão da história do Brasil", disse. 

Comportamento - Para 66% dos  entrevistados, a viagem terá duração de até 10 dias e o ticket médio de gasto na viagem será de R$ 1.877. As viagens são feitas em companhia da família (60%),a dois (19% ), com amigos (13%) e sozinho ( 13%).

Os meios de transporte mais utilizados para a viagem de verão são carro próprio, liderando o ranking com 45%, ônibus em segundo lugar com 29% e avião 23% em terceiro.

Os meios de hospedagem mais utilizados informados são a casa de amigo ou parente com 47%, seguido de hotel com 29% , em terceiro lugar as pousadas com 16% e Airbnb com 3%. 

Planejamento- A pesquisa revela que 52% dos brasileiros que viajam a lazer com frequência começam a planejar a viagem com três meses de antecedência e 30% com apenas um mês. Quase 20% dos entrevistados compraram as passagens nos meses de novembro e dezembro. 

Para 47% dos entrevistados, as redes sociais são a principal fonte de informação sobre um destino turístico, seguido por familiares e amigos (45%) e agências de viagem e operadores turísticos (22%) 

Quase metade dos brasileiros, 48%, utilizam a internet para compra de passagens e hospedagem, mas 35% ainda recorrem aos pontos de venda físicos. Já 56% dos entrevistados preferem fazer a compra de passagens e hospedagem de forma avulsa, por conta própria, enquanto 38% optam pela compra de pacotes completos (passagem + hospedagem).

Viagens nesse ano- Sobre as viagens em 2024, a pesquisa apontou que para 92% dos turistas o destino também será no Brasil e 37% dos entrevistados devem fazer alguma viagem ainda este ano. O Nordeste aparece como a preferência de viagem por 47% dos entrevistados, seguido do Sudeste com 38%.

O turismo de Sol e praia também segue como preferência dos brasileiros em 2024, com 59%, seguido de natureza e ecoturismo, com 27% e saúde e bem estar com 20%. 

Metodologia – O levantamento “Tendências de Turismo” foi realizado pelo Instituto de Pesquisa de Reputação e Imagem (IPRI). As entrevistas foram realizadas entre 07 e 11 de dezembro de 2023.​   Ao todo, foram 2.029 entrevistas domiciliares com cidadãos a partir de 16 anos, nas 27 Unidades da Federação. A margem de erro no total da amostra é de 2 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%. O levantamento traz recortes com quotas de sexo, idade, região, escolaridade e renda.​ 

 

Portal Obidense  Publicidade 790x90


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp