24/06/2023 às 08h54min - Atualizada em 24/06/2023 às 08h54min

Base Fluvial registra redução de 100% em roubos às casas ribeirinhas no Marajó

Estrutura integra forças da segurança pública estadual e completa um ano de funcionamento com a diminuição de 55% de roubos a embarcações

Da Redação
Agência Pará

Portal Obidense  Publicidade 790x90

FOTO: Ag. Pará

PARÁ - A Base Fluvial Integrada de Segurança Pública “Antônio Lemos” completou um ano de funcionamento com produtividade positiva nas ações de segurança desenvolvidas na região do Arquipélago do Marajó. Desde 22 de junho de 2022, quando a base foi instalada na região do Rio Tajapuru, no distrito de Antônio Lemos, até 22 de junho deste ano, houve redução de 55% em roubos a embarcações e 100% em roubos à residência de ribeirinhos. Os agentes de segurança realizaram, no período, mais de 14 mil atendimentos em benefício à população da região.

Os dados foram apresentados pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), por meio do Grupamento Fluvial (Gflu), na tarde desta sexta-feira, 23. O secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado, destaca a necessidade da população do Marajó ter uma base fixa da segurança pública.  

“Esse era um sonho antigo do povo do Marajó que foi atendido há exatamente um ano com a implantação da Base Fluvial Antônio Lemos, em Breves, no rio Tajapurú. Desde sua implantação, até agora, ela vem estabelecendo uma relação muito forte com a comunidade, de confiança e de serviços oferecidos, principalmente, de segurança pública e defesa social. Além disso, conquistamos uma redução extraordinária quando falamos de roubos a embarcações, e de pessoas naquela região. realizamos também, muitas apreensões relacionadas ao tráfico de drogas, rotineiramente estamos fazendo diligências, abordagens em embarcações e pessoas e o resultado está sendo fantástico. O melhor de todo esse esforço é o reconhecimento da população pelo trabalho que tem sido feito e todo o Marajó sendo impactado positivamente com a implantação da Base e os resultados alcançados”, ressaltou Ualame Machado.

Produtividade - Em um ano a Base Antônio Lemos presente na região do Marajó, mais precisamente, nas rotas fluviais de Breves vem conquistando resultados expressivos, quanto apreensões de drogas, pescados, madeiras, e ainda, no atendimento à população, com serviços de saúde, fiscalização, cidadania e aproximação com a comunidade ribeirinha.

De acordo com os dados apresentados, de março a junho deste ano, já foram realizadas 8 apreensões de drogas, totalizando mais de 75 kg de entorpecentes apreendidos em abordagens a embarcações na região. De janeiro a junho deste ano, foram apreendidos também, mais de 600 m³ de madeira, e mais de 8 toneladas de pescado.

Para o diretor do Grupamento Fluvial de Segurança Pública, delegado Arthur Braga, os resultados mostram a integração das forças de segurança, concentradas na região e ao monitoramento e fiscalizações contínuas das embarcações e ações suspeitas nas rotas fluviais de Breves.

“Nossos esforços têm sido concentrados em abordagens as embarcações que trafegam diariamente na nossa região, em especial, aquelas que vem de outros estados, a exemplo do Amazonas e do Amapá. Nossos agentes realizam abordagens diariamente para que o crime não passe impune nessa localidade. Conseguimos também a confiança dos moradores, o que tem nos ajudado bastante nas elucidações de crimes. Essa proximidade com a comunidade é uma troca que favorece tanto a eles quanto a nós tornando-se parceiros únicos no combate aos crimes e na preservação da paz para essa região”, falou o diretor do Gflu.

Integração e Cidadania - A Base Integrada Fluvial Antônio Lemos reúne agentes dos órgãos de Segurança Pública do Estado, bem como, órgãos de fiscalização ambiental e alfandegários, tanto da esfera estadual quanto municipal. A base é utilizada para atendimento na região e conta com a presença de policiais Civis e Militares, além de equipes do Corpo de Bombeiros, Grupamento Fluvial de Segurança Pública (Gflu) e ainda servidores da Secretaria da Fazenda do Estado.

Além de fortalecer a segurança na rota fluvial do estado, em especial da região, a Base serve também de apoio à população local que  contar com a presença da segurança pública na região, diariamente, atuando no enfrentamento à criminalidade, e ainda, na prestação de serviços públicos, como na emissão da Carteira de Identidade (RG), certidões, atendimentos de saúde, transporte de doentes, fiscalizações e na orientação à população.

Portal Obidense  Publicidade 790x90


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp