31/01/2023 às 13h52min - Atualizada em 31/01/2023 às 13h52min

O município de Óbidos foi selecionado para participar do projeto Alavancas para Educação Inclusiva de Qualidade

Durante o triênio 2023/2025 diversas ações e formações devem ser realizadas aos profissionais da educação do município

Por: Elton Pereira
ASCOM-PMO

Portal Obidense  Publicidade 790x90

Projeto Alavancas para Educação Inclusiva de Qualidade
OBIDOS - O município de Óbidos, no oeste paraense, foi um dos selecionados para participar do projeto organizado pelo Instituto Rodrigo Mendes (IRM), e apoiado pelo Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), denominado “Alavancas para Educação Inclusiva de Qualidade”, que busca influenciar as políticas públicas de formação em educação inclusiva, com foco para a melhoria de sua qualidade.
 
No Brasil, apenas 10 municípios foram selecionados para participar do projeto, no triênio de 2023 a 2025, sendo 2 municípios da região Norte, 3 na região Nordeste, 1 na região Centro Oeste, 2 na região Sudeste e 2 na região Sul.

 
Óbidos foi selecionada devido ao trabalho realizado pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Educação (Semed), em disponibilizar aos alunos portadores de deficiência, um transporte escolar mais humanizado.


 
“O município aderiu ao projeto em 17 de outubro de 2022. Nós cumprimos rigorosamente o edital do processo seletivo e fomos agraciados como o único município no estado do Pará, a ser selecionado para participar do projeto, que na verdade só vem a somar com a melhoria da qualidade de ensino das crianças deficientes inseridas na educação de nosso município”, destacou a coordenadora do projeto, Everlane Ramos.
 
A programação do projeto, em 2023, prevê a realização de cursos de formação para educadores, gestores escolares, técnicos da secretária de educação e outras capacitações.
 
Já para 2024 estão previstos cursos de formação para técnicos da secretária de educação para a elaboração de políticas de formação em educação inclusiva. E em 2025, o monitoramento da implementação das políticas elaboradas em 2024, além de pesquisas sobre os impactos gerados pelos cursos.
 
As formações serão disponibilizadas para servidores de escolas onde têm atendimento educacional especializado, com a possibilidade de inscrição de no máximo 10 unidades educacionais, o que deve acontecer de março a junho de 2023, com a duração de 100h aos participantes.

Portal Obidense  Publicidade 790x90


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp