13/07/2016 às 20h09min - Atualizada em 13/07/2016 às 20h09min

Com melhor campanha seleção de Prainha treina forte e quase diariamente, para o jogo decisivo da Copa Oeste

O jogo da final será neste sábado (16) às 16h na cidade de Prainha no Estádio José Alfredo Hage o Alfredão

Da Redação Manaus
Com Informações: Zeca Oliveira

PRAINHA: Com o placar adverso a seleção de Prainha tem realizado treinos intensos para reverter o placar indigesto com a derrota sofrida para a seleção de Óbidos no último jogo, no sábado passado.

Com a melhor campanha e a penas uma derrota, pesa ao selecionado prainhense o fantasma de 2014 quando a mesma estava vencendo a seleção de Alenquer pelo placar de 1x0, mas no final com um gol contra deixou escapar o sonhado título para os alenquerenses que jogavam pelo empate.

Com um bom conjunto e uma seleção bem entrosada, os jogadores e comissão técnica acreditam que dentro de casa a história será outra e que poderão reverter o placar. 

O Comunicador Zeca Oliveira da Voz Prainha conversou com o técnico Nelson Luiz no treino desta quarta-feira que dos preparativos de sua equipe.“Estamos em uma preparação intensa para o jogo de sábado, começamos os trabalhos na segunda-feira, todo mundo está inteiro pra esse jogo da final, esperamos reverter esse placar indigesto. Temos alguns jogadores de 2014 ainda no grupo, que disputaram a final contra Alenquer naquele ano, vamos contar com a experiência deles e a juventude dos demais para sairmos com a vitória e o título, para isso também contaremos com o nosso décimo segundo jogador que é a nossa torcida”.

A positividade está na recuperação de seu volante Barão que jogou no sacrifício em Óbidos, com problema na virilha ele já está totalmente recuperado, a volta do meio campista Cássio, considerado o cérebro da equipe que não viajou por problema de trabalho, é a outro grande trunfo da seleção verde e amarela.

A cidade de Prainha está toda voltada para essa fina, considerada para os moradores muito especial, a torcida prometem lotar o estádio, e com certeza se tudo der certo sair em carreata pelas ruas dacidade junto com seus jogadores para comemorar o título, mas antes irão incentivar os seus atletas para vencerem o jogo dentro de campo.

O estádio Alfredão tem capacidade pata 500 pessoas sentadas e 4 mil pessoas em pé. Não terá cobrança de ingressos a segurança será reforçada com estimativa de que os prainenheses comparecerão em peso, em média 5 mil torcedores são esperados.

Para os filhos de Prainha que tiveram que deixar sua cidade em busca de qualificação profissional e melhor qualidade de vida, poderão acompanhar o jogo através da Rádio Web e Portal Obidense com a transmissão em parceira da Rádio Sucesso FM de Oriximiná que estará na cidade de Prainha para fazer a transmissão ao vivo. Também irão transmitir em conexão as Rádios Ximango de Alenquer (PA), Rádio Já Panamazônica (AM) e Rádio Borba da cidade de Borba no Amazonas. Os comunicadores locais da Voz Prainha também irão transmitir para os torcedores presente no estádio.

Só resta aguardar o dia e hora do jogo para então sabermos qual das duas seleções irá levantar a taça. Obidenses x Prainhenses? ou Chupa Osso x Conta Areia ? Como são conhecidos os naturais das duas cidades.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp