11/07/2016 às 09h31min - Atualizada em 11/07/2016 às 09h31min

Em jogo parelho, Iranduba e Manaus ficam no empate.

Debutante no futebol feminino, Manaus FC jogou de igual para igual com o Iranduba e Arsenal vence Holanda.

Por: Emanuel Mendes
Radio JA Panamazônica
Foto: Emanuel Mendes

MANAUS - Um ponto com gostinho de superação. Foi assim que as atletas do Manaus FC avaliaram o empate por 1 a 1 com o Iranduba da Amazônia na tarde deste sábado, 9 de julho, no campo do 3B, em duelo válido pela segunda rodada do Campeonato Amazonense de Futebol Feminino 2016. Formado durante esta semana, o elenco do Gavião do Norte ainda está longe da forma física ideal, fez apenas um treino coletivo e mesmo assim conseguiu frear o poderoso adversário pentacampeão estadual.

Mostrando uma boa qualidade nos passes no setor de criação sob o comando de Deise Santos, o Manaus FC abriu a contagem aos 9 minutos, quando o atacante Paulinha aproveitou a assistência de Dayanne para marcar um belo gol de perna esquerda, sem chances para a goleira Rubi.

Em desvantagem, o Iranduba foi ao ataque e fez o Gavião recuar na defesa. De tanto insistir nas subidas puxadas por Mayara, Nathane e Djeni, o time de José Said arrumou um pênalti aos 32 minutos, quando a lateral Dayanne derrubou Elisa. A meio-campista e capitã Djeni bateu com perfeição no canto direito da goleira Nira e deixou tudo igual.

No segundo tempo, o Manaus FC sentiu o cansaço e o Hulk dominou praticamente todas as ações ofensivas, culminando com uma bomba disparada por Elisa que explodiu no travessão. Paulinha ainda teve duas chances de decretar a vitória do Gavião, mas o empate com cara de final terminou sob aplausos dos amantes do futebol feminino.

Análise da partida

O Manaus FC foi comandado pela preparadora física Fabiana Oliveira, que comentou sobre o resultado ao final da partida. “Foi um jogo pegado e já esperávamos por isso, esperávamos que o Iranduba fosse marcar em cima e fosse buscar o placar e tentar o máximo de gols que elas pudessem, a gente esperava isso, um time bem ofensivo.  Mas foi muito proveitoso porque nossas atletas nos surpreenderam hoje e estão de parabéns, pois foram além do limite. Eu acho que hoje prevaleceu a vontade no lugar do preparo físico”.

Do lado do Hulk, a capitã Djeni falou sobre o resultado e não gostou do placar, pois avaliou que sua equipe esteve melhor durante as duas etapas. “A meu ver a gente foi superior no jogo, porém, não foi um muito resultado satisfatório até porque a gente joga em busca da vitória, independente se joga em casa ou se joga fora, independente do adversário. A gente criou boas oportunidades, mas faltou capricho na última bola. Agora a gente tem que trabalhar em cima disso para não cometer os mesmos erros nos próximos jogos”.

Escalações:

O Iranduba jogou com Rubi, Jucélia, Karen, Victória e Gisele; Sinara (Micaelly), Laura, Djeni e Mayara (Bebê); Nathane (Kelen) e Elisa. Técnico José Said.

O Manaus FC atuou com Nira, Dayanne, Cleia (Naiara), Craque e Cleo (Karem); Rose, Mahele (Esterzinha), Nilda e Deise; Lu e Paulinha. Técnica interina: Fabiana Oliveira.

Arsenal se recupera

Em outro jogo válido pelo Barezão Feminino, o Arsenal se recuperou da derrota na primeira rodada ao vencer a equipe do Holanda pelo placar de 1x0 com gol de Mara Regina.

A partida foi disputada no Estádio Álvaro Maranhão, em Iranduba.

 

Terceira rodada

Sábado, 16 de julho – 15h30 -  Manaus FC x Arsenal (Fazenda São Pedro, KM 4 da BR-174)

Domingo, 17 de julho – 15h30 – Salcomp x Iranduba (Álvaro Maranhão, em Iranduba)

Classificação:

Iranduba – 4 pontos

Salcomp – 3 pontos

Arsenal – 3 pontos

Manaus FC – 1 ponto

Holanda – sem pontos


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp