30/05/2016 às 14h10min - Atualizada em 30/05/2016 às 14h10min

Polícia investiga caso de estupro coletivo contra jovem em Juruti

Três homens são suspeitos de estuprarem uma jovem de 17 anos. Caso aconteceu no dia 27 de maio, no bairro São Marcos.

Da redação/G1 STM
Foto: Polícia Civil Juruti/Divulgação

JURUTI – A Polícia Civil investiga um caso de estupro coletivo em Juruti, oeste do Pará, no qual três homens são suspeitos de abusarem de uma jovem de 17 anos. De acordo com o delegado da PC, Jaime Paixão, o crime aconteceu na madrugada do dia 27 de maio, no bairro São Marcos. Entre os suspeitos está um professor da rede municipal, que já respondia por outro caso de abuso sexual, e dois homens, um de 19 e outro de 21 anos.

Segundo o investigador da PC, Wilson Sousa, o crime aconteceu na casa do professor. “Eles estavam comemorando a vitória de um time de futebol na casa do professor de 28 anos, onde estavam ingerindo bebida alcoólica. No depoimento a jovem disse que foi levada para o quarto e foi abusada pelos homens. Um segurava e os outros abusavam e forçavam ela a tomar mais vodka, um jeito de fazer ela perder a consciência”.

Conforme o investigador, a menina conseguiu fugir e pediu ajuda. “A senhora quer ajudou a garota notou que ela estava sem calcinha com as roupas rasgadas e chamou a Polícia Militar imediatamente. Eles foram no local, mas a casa estava fechada, então houve arrombamento. No local tinha três pessoas que foram levados para a delegacia. Com a investigação, mais um suspeito foi apresentado, mas não foi confirmada a participação dele, então foi liberado”.

A jovem fez exames de corpo de delito, prestou esclarecimentos e foi liberada. Os envolvidos estão presos na delegacia de Polícia Civil, onde aguardam a finalização do inquérito policial. Todos foram indiciados por estupro e fornecimento de bebida de adolescentes.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp