09/12/2020 às 09h38min - Atualizada em 09/12/2020 às 09h38min

Coletiva de imprensa com o prefeito eleito de Óbidos, Jaime Silva e Vice Lindomar Marinho | Portal Obidense

Entre os assuntos a transição, composição de governo, questões jurídicas, agenda junto ao governo do estado e recuperação da covid-19

Por: Eli Junior
Texto - Ascom
Prefeito eleito, Jaime Silva e seu vice, Lindomar Marinho | Dilvulgação
ÓBIDOS - Em meio a uma coletiva de imprensa o prefeito eleito de Óbidos, Jaime Silva e seu vice, Lindomar Marinho, buscaram debater assuntos voltados a transição, composição de governo, questões jurídicas, agenda junto ao governo do estado e recuperação da covid-19, uma vez que Jaime esteve por um longo período em tratamento em Belém após complicações em decorrência da covid-19 e alertou a população contra os riscos das 'fake news', vírus que tem se alastrado nas redes sociais e que causa danos a toda população.
 
O prefeito eleito iniciou a coletiva falando sobre a pandemia, sobre seu tratamento na capital do estado, ressaltou que todos aguardam a aprovação das vacinas, e que as medidas de segurança serão foco principal do governo em 2021. “Nós temos que nos preocupar com a pandemia até que a vacina chegue para cá, então vamos focar nas questões da pandemia e vocês serão muito importantes para informar à todos.  O Carnaval começa desde o dia 1º em Óbidos e este infelizmente por questões de saúde nós não vamos poder fazer, inclusive o Rio de Janeiro já suspendeu e Óbidos não pode ir na contramão da história e nós estamos vendo a possibilidade de transferir para outra data quando já tiver sanado essa questão”, informou.
 
Sobre as fake news, Jaime pediu “apoio da imprensa para divulgar fatos reais, baseados em fontes concretas, como o TSE, que tem informações reais sobre todas as questões jurídicas”, a afirmativa de Jaime Silva teve como base o processo eleitoral, quando os partidos de oposição veicularam em meios de comunicação local e rede social que sua candidatura estava impugnada pela justiça, ou seja tramitada e julgada, fato inverídico, tanto que o candidato foi eleito e deverá assumir à Prefeitura de Óbidos no próximo 1º de janeiro de 2021.
 
A partir de 2021, o novo governo realizará uma reforma administrativa com reestruturação organizacional, de acordo com Jaime Silva não se trata de extinguir secretarias e sim realocar pastas de modo a dar celeridade a procedimentos que anteriormente tinham prazo de até 30 dias para resolução ou respostas. “Nós vamos formar uma equipe enxuta e eficiente, eu acredito que não dá mais para viver no passado enquanto todos usam computadores modernos, nós aqui estamos na máquina de datilografar. O cidadão não pode esperar 30 dias por um alvará, aguardar até dezembro para receber o IPTU. Nós vamos mexer na estrutura organizacional de modo a dar celeridade à gestão pública”, enfatizou o prefeito eleito após falar sobre a criação de uma secretaria voltada à diversidade onde serão alocadas coordenadorias da Mulher, Jovem e Idosos, além de todos aqueles que se sentiam excluídos da gestão pública como indígenas e quilombolas.
 
Ainda falando sobre a composição do seu governo Jaime explicou que está junto ao vice trabalhando nessa nova estrutura e vai levar em consideração quesitos como conhecimento técnico e vivência para que as pessoas escolhidas possam dar resposta às demandas do município. A escolha dos secretários e equipe de governo foi baseada nas reuniões realizadas junto ao governador do Pará, Helder Barbalho, com quem o prefeito eleito esteve reunido em uma extensa agenda. “O governador me disse “me tragam as demandas de Óbidos” como eu posso apresentar as demandas se eu não tenho relatórios e estudos que comprovem que aquele recurso é realmente necessário”, esclareceu.

CLICK - AQUI - Assita a entrevista na Integra
 
Durante a coletiva de imprensa Jaime foi questionado quanto a educação, onde frisou que é inadmissível que escolas tenham sido fechadas e que comunidades inteiras não tenham sido respeitadas como a comunidade quilombola do Mondongo. No Meio Ambiente, ressaltou que estudar uma nova área para o lixão é prioridade, mas que é necessário estudo para definir se Óbidos terá aterro sanitário ou incineração, sem descartar apoio a criação de uma cooperativa para trabalhar com os resíduos sólidos recicláveis. Na infraestrutura será necessário analisar todos os procedimentos em andamento, assinatura de convênios e procedimentos licitatórios para que a gestão não seja responsabilizada pela paralisação que porventura possam vir a partir da falta de recurso no município. Concurso público, que primeiramente é necessária a organização estrutural da prefeitura para que se possa pensar na abertura de novo concurso público e que como já há um processo em andamento é necessário saber se ele condiz com a necessidade do município.
 
O vice-prefeito eleito de Óbidos ressaltou que a partir da reorganização da gestão municipal ficará mais claro para a população qual o papel do vice-prefeito, que vez que é necessário quebrar a imagem que o vice-prefeito trabalha para derrubar o atual gestor e assim ocupar seu lugar.  


 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp