27/11/2020 às 14h45min - Atualizada em 27/11/2020 às 14h45min

Resíduos de origem animal são descartados, inadequadamente, no ramal do Fernando no Distrito do Flexal | Portal Obidense

A Associação de Moradores do Distrito Flexal (AMDF) fez limpeza completa no Ramal, mas pessoas insistem em jogar os resíduos no local

Por: Elton Pereira
Pedaços putrificados de couro, carne e osso de animal despesajado
ÓBIDOS - O descarte já acontece há muitos anos. Após, várias tentativas de conscientização educação, moradores e comerciantes foram orientados quanto ao não despejo de restos de animais nos ramais, que dão acesso ao Distrito do Flexal, distante apaixonadamente 112 km da sede de Óbidos, por via terrestre.

Os resíduos possuem um alto potencial poluidor e acarretam transtornos, prejudicando diretamente à saúde da população, por isso, eles precisariam de destinação correta.


Um exemplo seria o aterro controlado que beneficiará as comunidades Distrito do Flexal, Igarapé-Açu e Arumã. Donos de açougue, açougueiros e cidadãos foram orientados ao não descarte de resíduos de animais como: pele, ossos, vísceras, sangue e outros resíduos de origem animal no Ramal do Fernando, próximo ao bairro da Nova República, no Distrito do Flexal (zona rural) ou em qualquer outro lugar inadequado.
 
"É importante ressaltar que todas essas sobras jogadas de forma clandestina no Ramal do Fernando, são inviáveis para o consumo humano, por isso, torna-se fundamental sua destinação adequada. Um agravante é que a maioria desses resíduos animais são altamente putrescíveis e, por isso, devem ser manejados de forma rápida e correta. Também é salutar lembrar a todos, que o RESÍDUO COMERCIAL (resíduo animal) proveniente dos açougues existentes no Distrito do Flexal são de responsabilidade do próprio estabelecimento. Ou seja, a responsabilidade da coleta, transporte e destinação correta é do próprio empreendedor." Informa Idália Araújo, AMDF.
 
Recentemente a Associação de Moradores do Distrito Flexal (AMDF) fez uma limpeza total no Ramal do Fernando, no entanto, algumas pessoas insistem em jogar clandestinamente resíduos de animais no local, prejudicando o solo e a população.

"Por isso, pedimos a todos os donos de açougue ou açougueiro que possam ter mais sensatez, para que todos os moradores possam ter mais qualidade de vida, mais saúde e consequentemente mais proteção com o meio ambiente, evitando que no futuro autoridades ou órgãos competentes do município de Óbidos possam multar ou até fechar tais estabelecimentos." Diz Idália.



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.6%
10.1%
1.8%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
33.9%
1.5%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp