09/04/2016 às 12h29min - Atualizada em 09/04/2016 às 12h29min

Projeto da Escola Dr. Raimundo Chaves valoriza a cultura e os artistas obidenses

Evento realizado na sexta-feira, atraiu centenas de pessoas e contou com uma programação diversificada.

Por: Érique Figueirêdo
Fotos: Wendel Menezes

ÓBIDOS – Valorizar a cultura obidense e divulgar os trabalhos dos artistas locais, foi o objetivo da segunda Noite Cultural, realizada na sexta-feira (8), pela Escola Municipal de Ensino Fundamental Dr. Raimundo Chaves. A Associação Poço Renascer no bairro Cidade Nova, sediou o evento que atraiu centenas de pessoas.

Com uma programação diversificada, a Noite Cultural não só apresentou talentos, mas discutiu com a comunidade, através de palestras, a necessidade do entendimento da riqueza cultural de Óbidos. Exposições de quadros de pintores como: Jorge Mamede; Abimael Matos, Albino Moraes e Orlando Nascimento, coloriram o espaço.  A música e a literatura obidense também foram representadas por nomes conhecidos da área, que apresentaram os seus trabalhos.

Entre as atrações culturais, a folia de São Tomé e a dança do Cordão da Garcinha, levaram para o evento a nostalgia das manifestações mais antigas de Óbidos.

Pe. Sidney Canto, historiador que ministrou a palestra sobre a formação da sociedade obidense a partir da catequização, disse que eventos como a Noite Cultural, são primordiais para que as próximas gerações, conheçam a cultura local. “As crianças, jovens e adolescentes que estão aqui, são o futuro, são eles que vão escrever no futuro a história. Temos que semear neles, principalmente nos estudantes do ensino fundamental, o gosto pela história de Óbidos, o gosto pela história da nossa região Amazônica, a esperança é que no futuro, esses alunos, possam escrever a história de uma maneira até melhor do que nós estamos fazendo hoje”, ressaltou o historiador.

Atenta as atrações do evento, Bruna Santos, aluna do 6º ano, disse que ficou impressionada com as histórias que narram o início da formação de Óbidos. “Eu gostei muito da palestra, passei a conhecer muitas coisas sobre a história da nossa cidade, e gostei também bastante das apresentações”, disse Bruna.

O projeto que partiu da iniciativa do historiador Carlos Viera, em conjunto com os alunos das turmas do oitavo e nono ano do ensino fundamental da Escola Raymundo Chaves, foi

criado para expandir os conhecimentos, que antes, eram repassados apenas no âmbito da sala de aula. “Isso tudo que nós estamos vendo hoje aqui, já era trabalhado dentro da sala de aula. Então ver uma multidão como essa envolvida com esse projeto, procurando conhecer melhor a nossa cultura, nos dá uma satisfação muito grande, uma sensação de dever cumprido”, comemorou Carlos Vieira.

A 2ª Noite Cultural, atraiu atenção dos acadêmicos do curso regular de pedagogia, da Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA). Alunos de outras escola da rede municipal de ensino, e representantes de entidades ligadas a cultura local, também prestigiaram o evento.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.6%
10.1%
1.8%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
33.9%
1.5%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp