07/05/2019 às 19h48min - Atualizada em 07/05/2019 às 19h48min

A triste realidade de catadores de lixo no município de Óbidos

O que dizer quando famílias inteiras sobrevivem de algo que é descartado pela sociedade, a sua única certeza é o lixo

Por: Hayme Amorim
Foto: Janete Nogueira
ÓBIDOS - Acordando todos os dias, sempre por volta das 06h da manhã, Dona Maria de 56 anos ganha a vida catando latinhas, cobre, metal e aço no lixão a céu aberto localizado no bairro do Perpétuo Socorro no município de Óbidos no lado oeste do estado do Pará.

Com imparcialidade, nossa equipe de reportagem do Portal Obidense, foi até a localidade do Lixão da cidade, ver e mostrar de perto a triste realidade de um catador de lixo, mas o que vimos foram vários que vivem da de outros.

É um lugar de grande extensão, pode-se dizer que são KM de lixo a céu aberto, no momento em que chegamos ao local não vimos um grande número de pessoas, porém bastou apenas um se pronunciar para que os outros também se manifestassem e se aproximassem.


São inúmeras as situações enfrentadas pelos trabalhadores, e uma delas é o esquecimento de quem um dia já sonhou com a antiga implantação da cooperativa de catadores que lá em 2016 chegou a funcionar, e que deveria dar aos mesmos, mais dignidade na hora de exercerem suas atividades diárias.

A realidade pode ser vista e sentida e infelizmente é triste, sol e chuva os catadores de forma irregular buscam materiais que possam ser vendidos ou reaproveitados e que possa render alguns reais, e assim assegurar alguns trocados, no ambiente de trabalho insalubre que também é irregular, homens e mulheres dividem espaço com os urubus, mau cheiro, animais mortos e muito lixo por todos os lados, e o pior, sem nem um tipo de proteção, ficam expostos a todo tipo de doença.

Quando perguntado aos catadores se tinham algum outro trabalho além da catação lixo a maioria respondeu que não, pois não tem oportunidade de emprego e a única maneira de sustento é a coleta de materiais que possam ser vendidos. Dentre as perguntas feitas pela repórter do Portal, estava o questionamento sobre a retirada do lixão a céu aberto do município o que deve acontecer até 2021, e com todas as letras responderam que não são a favor. “Não somos a favor porque é daqui que a gente tira nosso sustento, se o prefeito desse ao menos um emprego pra gente a gente era a favor, mas ele nunca pisou sequer aqui pra falar com a gente e por isso que a gente não aceita, porque se tirarem? como a gente vai comer?”. Disse a catadora.
 
Mas apesar de todas as dificuldades e a triste realidade diária enfrentada pelos catadores de lixo, eles seguem com um grande sorriso no rosto e orgulhosos pela função honesta exercida, sabemos que no fundo isso não a pura verdade, que seus corações vivem triste sem perspectiva sem futuro.
O Brasil passa por problemas financeiros, desempregos, economia em queda, miséria, fome um submundo que muitos viram as costas, mas que está em nossa frente, o que dizer de uma cidade com apenas 50 mil habitantes e quase a metade moram na zona rural, na cidade muitas famílias vivem na mais cruel das pobrezas, sem perspectiva há muito tempo desistiram de sair em busca de emprego hoje a cara de uma triste realizada restando apenas brigar pelo lixo que sobra.
 
Contato - O Portal Obidense, equipe de Óbidos tem um novo número de Whatzapp, para entrar em contato pode enviar mensagem a qualquer hora para o número (93)9 9197-6588

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.4%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
34.2%
1.2%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp