04/09/2018 às 14h55min - Atualizada em 04/09/2018 às 14h55min

MP recomendou a CMO, não prosseguir com o concurso para qual já tinha publicado o edital em Óbidos.

O presidente da Câmara Municipal de Óbidos, anunciou que irá prosseguir e que tudo foi feito dentro da legalidade. Além disso três vereadores entraram com processo para a não realização

Por: Elton Pereira
Foto: Elton Pereira
ÓBIDOS - Inconstitucional, foi o que alegou o Ministério Publico quando se referiu ao certame do concurso público da Câmara Municipal de Vereadores de Óbidos.

Um assunto que tem dado bastante o que falar em Óbidos no oeste do Pará, é a realização do concurso público que deve ser realizado pela câmara municipal de vereadores de Óbidos para preenchimento de cargos dentro do recinto parlamentar.
Assista a entrevista abaixo


O Ministério Público alega que o certame está inconstitucional pelo fato de não ter tramitado no plenário da casa legislativa, foi o que alegaram também alguns vereadores que fizeram denúncia ao (MPE), por sua vez o presidente da casa legislativa afirma que seguiu o que determina a lei orgânica do município e que tudo está dentro da legalidade e se depender disso o concurso deverá sim ocorrer sem qualquer que seja o entrave. Preto Souza afirmou ainda que caso o ministério público impugne a realização das provas, todos que pagaram para realizar deverão ser ressarcidos.



Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.8%
1.7%
3.8%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp