12/04/2018 às 13h30min - Atualizada em 12/04/2018 às 13h30min

Na cidade de Óbidos, operação policial denominada “Sentinela de Óbidos” prende 3 pessoas por suspeita de crime de tráfico de drogas.

Por: Elton Pereira

Entrevista e video com o Delegado da Polícia Civil de Óbidos - Dr. Thiago Mendes

ÓBIDOS - A operação denominada “Sentinela de Óbidos”, iniciada nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (12), e tinha como objetivo o cumprimento de mandatos de busca e apreensão, em dois alvos distintos, um no bairro de Santa Terezinha e o outro no Bairro do São Francisco, onde as equipes das policias civil e militar lograram êxito em prender 3 pessoas que estavam praticando o crime de comercialização de entorpecentes, na residência modesta de número 462, localizada na travessa Pio 12. No local foram encontrados 102 reais trocados o que é notabilizado como dinheiro do tráfico, 9 petecas de pasta base de cocaína, mais 7 invólucros maiores de pasta base de cocaína e maconha. Ainda foram encontrados pelos policiais balança de precisão, um Notebook, uma Ferramenta Maquita, 3 aparelhos celulares e mais um relógio.

Segundo o delegado de polícia civil, Dr. Thiago Mendes que falou ao Portal Obidense em entrevista gravada em vídeo, a prisão dos mesmos só foi possível, após uma seria de denúncias que chegaram até as policias repassadas pela própria comunidade, Gilson da Silva lima de 27, Jeferson Ribeiro de Andrade 22 anos e a companheira de Gilson Marcilene Lopes Silva também de 27 anos ambos nacionais da cidade de Óbidos, foram presos em flagrante.

O conselho tutelar também foi acionado, pois no interior da residência havia 4 crianças, que conviviam diariamente com usuários de drogas, segundo informações da polícia militar, os entorpecentes ainda estariam escondidos no quarto a onda dormiam as crianças.

A polícia acredita que os produtos encontrados (Notebook, Ferramenta Maquita, 3 aparelhos celulares e mais um relógio), sejam produto oriundos de furtos e estavam ali como moeda de troca para se obter as drogas.

Para a polícia o trio já atuava a bastante tempo e entendia como funcionava o comercio obscuro, a prova é a balança de precisão encontrado com os mesmos.

Preso, Gilson falou com nossa equipe, ele assumiu sozinho ser dono do material, e em momento algum mostrou arrependimento. Os 3 deverão permanecer presos enquanto aguardam a decisão da justiça, nem um dos mesmos, já tinha passagem pela polícia.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp