27/02/2018 às 22h37min - Atualizada em 27/02/2018 às 22h37min

Regularização fundiária e adesão ao Pronera é pauta de reunião entre o vice-prefeito de Óbidos, assentados e quilombolas

Uma nova reunião no dia 14 de março, deve discutir a regularização fundiária e ambiental dessas áreas.

Por: Odirlei Santos e Érique Figueirêdo – ASCOM/PMO
Fotos: Odirlei Santos – ASCOM/PMO

ÓBIDOS - A elaboração de projetos que visem o melhoramento da educação no campo, com foco na regularização fundiária e na preservação ambiental, foram as pautas da reunião realizada no auditório da Casa de Cultura, em Óbidos, oeste do Pará, na manhã da última segunda-feira (26).

No encontro realizado pelo vice-prefeito Isomar Barros, estiveram presentes profissionais da educação que atuam em áreas de assentamentos e comunidades remanescentes de quilombo, além de lideranças comunitárias com forte atuação nessas regiões.

Na oportunidade foi discutido a adesão dos professores de áreas de assentamento e quilombo ao curso de Especialização em Saúde da Família. A capacitação é ofertada pela Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), por meio do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera).

Por meio do Pronera, jovens e adultos de assentamentos têm acesso a cursos de educação básica (alfabetização, ensinos fundamental e médio), técnicos profissionalizantes de nível médio, cursos superiores e de pós-graduação (especialização e mestrado).

O Programa também capacita educadores para atuar nos assentamentos e coordenadores locais - multiplicadores e organizadores de atividades educativas comunitárias.

“Esse curso vai ser ministrado em Santarém, em 4 módulos. A especialização que termina no ano que vem [2019], ela é direcionada a essas pessoas que tem graduação. A ideia do Pronera é está trabalhando a capacitação dos profissionais que atendem as comunidades tanto de assentamento como de quilombola, no que diz respeito às questões pertinentes aos problemas que cercam essas comunidades”, explicou Adriana Santos, coordenadora pedagógica da Secretaria de Educação, que informou ainda que os professores terão uma bolsa de ajuda de custo ofertada pela Ufopa, além de serem liberados pela Semed para fazer a especialização.

Entre as discussões, foi acertada a data da próxima reunião, no dia 14 de março, que terá como pauta os desafios e as medidas a serem tomadas para avançar na regularização fundiária e ambiental no município.

“Acertamos uma reunião que vamos fazer para tratar a questão da regularização fundiária e ambiental no município de Óbidos, com assentamentos, comunidades, lideranças, organizações civis e todos os entes envolvidos. O diálogo é o passo inicial para avançarmos nesse setor que é delicado para nós. Há muito que se fazer nessa questão e vamos iniciar esse processo com esse encontro no dia 14”, finalizou o vice-prefeito, Isomar Barros.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp