26/12/2017 às 14h49min - Atualizada em 26/12/2017 às 14h49min

A Serra da Escama em Óbidos, um monumento que fascina, um dos símbolos e orgulho do obidense que aos poucos vai ficando para traz na história.

Mais uma vez nossa equipe do Portal Obidense subiu a Serra da Escama e mostra o abandono em reportagem especial também em vídeo. Ano após ano, a Serra vai ficando para traz.

Por: Elialdo Junior

ÓBIDOS - Um lugar cheio de histórias e lendas. Uma serra encravada à beira do rio Amazonas as margens do laguinho Pauxis vizinho à cidade de Óbidos - Pará.

A serra da ESCAMA, que teria recebido esse nome por conta do posicionamento de suas árvores como no formato de escama sobre uma as outras, vista de fora, recebe todos os anos novos visitantes para desbravar os mistérios que revoltam a história desse lugar que um dia foi sede para os militares defenderem a cidade presépio e o território que pertencia a colônia portuguesa dos invasores.

Nossa visita começa, após 10 minutos de caminhada pelo, agora seco laguinho Pauxis. Entre terra e Mato atravessamos e chegamos em pouco tempo a base da Serra. A entrada é logo ao meio. Às margens do laguinho há ainda vestígios dos resíduos despejados que na seca ficam a mostra.

Aqui, muitas histórias são contadas pelos mais antigos que remontam dezenas de anos atrás.

Os quatro canhões de fabricação alemã foram construídos sobre a colina por conta da imortalidade dos primeiros construídos no forte Gurjão.

O Paiol resguardara os militares caso houvesse uma invasão. Garantia proteção com seus 40 centímetros de espessura.

O "Burrinho" fazia parte da Estação de água que abasteceu a base militar até a construção do sistema conhecido como "Cabeça do Padre." Dentre esses fatos há muitos relatos de outros acontecimentos no local. Muitos tornaram-se lendas.

A suposta cruz que teria sido erguida em homenagem ao soldado morto em emboscada após caso de adultério com a esposa do seu superior. E as narrativas de supostas evidências de projeções de uma ponte que ligaria a colina à cidade e de um poço sob o laguinho Pauxis.

São fatos e lendas que fazem desse lugar um patrimônio histórico, natural e cultural do município de Óbidos e da Amazônia. Mas, ao redor pouco se vê de preservação. Os canhões estão pixados. Vários materiais, com o tempo foram usurpados. Carcaças são encontradas aos arredores da Serra. Um lugar que remonta uma rica e linda história de defesa do território não é defendida nos dias de hoje. Para que daqui há mais cem anos a história Seja preservada e futuras gerações saibam e vejam um pouco da história.

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp