02/11/2017 às 19h35min - Atualizada em 02/11/2017 às 19h35min

Menor em conflito com a lei acorrenta, espanca e manteve em cárcere privado sua namorada de 16 anos com ameaça de morte.

Por: Márcio Garcia
Fotos: Márcio Garcia

ORIXIMINÁ – Nesta quinta-feira (02) de novembro feriado de finados, as 11hs da manhã a polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência envolvendo dois menores de idade no bairro do São Lazaro em Oriximiná.

A vítima T.C.B de 16 anos, estava sendo mantida em cárcere privado, acorrentada e presa ao pé de uma mesa, sendo ameaçada de morte com uma faca pelo seu namorado E. V. S também menor adolescente de 17 anos.

Segundo a polícia, a mãe do acusado ao ouvir o grito da menina que estava sendo espancada pediu ajuda a vizinha que chamou a polícia. Que chegou em poucos minutos e conseguiu libertar a vítima, fazendo a apreensão do menor que já tem alguns registro de ocorrência na delegacia por outras infrações.

Nosso correspondente Marcio Garcia Falou com o escrivão Alessander Rodrigues que disse: “A adolescente foi encaminhada ao hospital municipal onde foi realizado o exame e laudo de lesão corporal e foi constatado algumas lesões, após isso foi lavrado o auto de apreensão do adolescente por alto infracional previsto nos art.129 § 9° combinado com Art, 7° da lei 11.340 § 1° e art. 147 ameaça e 148 cárcere privado do Código Penal. Segundo a vítima ele faz uso de entorpecente, porém nesse dia ele não tinha feito uso e por esse motivo ele ficou alterado e começou a agredi-la, primeiramente com socos, tapas e chutes e depois ele arrastou ela pela sala e prendeu com uma corrente.” Disse o escrivão

Segundo informações, não tem um motivo aparente para os maus tratos. Para a jovem adolescente vítima, disse à polícia que poderia ser ciúmes também, pois não é a primeira vez que ele a espanca.

A vítima, pediu a polícia que mantenha o adolescente apreendido, pois ela tem medo que ao sair ele faça alguma coisa com ela, pois em outros casos ele já foi agressivo até mesmo com a própria mãe, o que foi confirmado posteriormente a polícia. Receosa a vítima disse que não quer mais viver com seu agressor e que daria um jeito de se mudar da cidade, morar em outro lugar. Ela ainda disse que sofreu muita dor no momento que ele tentou quebrar o braço dela, antes de acorrenta-la, para procurar a sua faca e que teve muito medo de morrer, no dia anterior ele já tinha espancado e batido nela com cabo de vassoura, ela ainda chegou a lembra-lo que no dia de hoje (02/11) ela estava fazendo aniversário e que planejava comemorar com ele.

O acusado, disse ao nosso correspondente que estava constrangido e que se ela desse uma nova oportunidade para ele, tudo mudaria e que tudo o que ele fez não passou de uma brincadeira.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.8%
1.7%
3.8%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp