13/11/2015 às 18h51min - Atualizada em 13/11/2015 às 18h51min

Moradores da Rua Osvaldo Matos reclamam da demora para concluir a pavimentação da via

Impasse entre a construtora Bel Casa e a Prefeitura de Óbidos, está atrasando a entrega do trabalho.

Da Redação
Fotos: Eury Silva

ÓBIDOS – Os trabalhos de pavimentação da Rua Osvaldo Matos que fica na divisa dos bairros Cidade Nova e São Francisco foram interrompidos após um impasse entre a Prefeitura de Óbidos e a construtora responsável pelas obras de ampliação do sistema de abastecimento de água da Companhia de Saneamento do Pará (COSANPA).

A empresa Bel Casa que iniciou a última fase dos trabalhos, quer que a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Urbanismo (SEURB) aguarde a escavação de um dos lados da via para a fixação de adutoras que levarão água até o elevado no bairro São Francisco. Já a SEURB tem pressa em concluir as obras e afirma que os trabalhos já deveriam está sendo concluídos se não fosse o atraso.

Apenas um dos lados da via foi pavimentado, os moradores que residem na margem que pertence ao bairro São Francisco reclamam da poeira e da demora para terminar a pavimentação da rua. “Nós entendemos que tudo leva tempo para concluir, mas quem mora desse lado está sofrendo com a poeira, nossas casas só vivem sujas”, disse a

dona de casa Maria Assunção. 

Joaquim Alves, titular da SEURB afirma que mesmo com o impasse, o trabalho de construção do meio fio do lado que ainda não foi pavimentado, deverá iniciar na próxima semana. “Independente dessa situação nós vamos fazer o meio fio já na próxima semana. O meio fio não impede que eles trabalhem, quando terminarmos o meio fio, se eles não tiverem terminado a parte deles, nós vamos reunir a população e informar a situação”, explicou. 

O responsável local pela empresa Bel Casa, informou ao Portal Obidense que os atrasos foram ocasionados por problemas de logística na entrega dos materiais que seriam ultilizados, o que alterou o cronograma do trabalho da empresa. “Chegaram apenas parte dos materiais que foram solicitados, o atraso correu na fábrica, enquanto isso, nós estamos fazendo outros serviços. Porém se eles quiserem concluir a obra eles podem, só que quando o material chegar vamos ter que quebrar o concreto e arrumar depois e isso deixara a rua feia”, explicou Ricardo Smith, engenheiro da Bel casa.

A empresa não soube precisar em quanto tempo o material estará na cidade para prosseguir com o trabalho de fixação das adutoras na Osvaldo Matos, os atrasos ocasionaram também mudança no prazo para entrega da obra que deveria ser no final desse ano e foi transferido para junho de 2016.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.0%
1.7%
0%
0%
15.2%
1.7%
0.6%
33.5%
1.7%
3.7%
4.6%
2.6%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp