23/01/2017 às 13h43min - Atualizada em 23/01/2017 às 13h43min

Final de semana em Oriximiná, três casos de violência doméstica, uma agressão física, um arrombamento e recuperação de moto.

Por: Márcio Garcia
Foto: Márcio Garcia

ORIXIMINÁ – Na cidade da bauxita o final de semana foi muito agitado, no plantão a guarnição que tinha a frente o Sgt. Jefre (foto), saldado Dioney e Edgelson, sempre alerta. Antes mesmo deles assumirem ao amanhecer de sábado com um arrombamento, já dava início que o domingo também seria movimentado e a

polícia teve muito trabalho, mas conseguiram contornar e fazer as apreensões e recuperar uma moto.

Espírito do Mal

Já no domingo a guarnição é acionada através de uma ligação anônima de um pedido de socorro a um cidadão na travessa da Conquista no bairro do Penta. Quando os policiais chegaram no local tiveram uma surpresa, encontraram o filho de nome Luiz Augusto Cunha de 18 anos tentando agredir seu Pai, o Sr. Manoel Caetano Seixas.

Luiz estava endiabrado e se dizia estar com o espírito do Capeta e auto se denominava “O Capetinha” armado com 2 terçados em punho, estava tentando tirar a vida de seu genitor.

A polícia agiu rápido e evitou o que poderia ser mais um episódio triste nas páginas policiais. Conseguiram imobilizar o capetinha, pai e filho foram parar na delegacia.

Mas pai, é pai! Na hora de formalizar a denúncia o Pai seu Manoel Caetano Seixas, disse ao investigador Vicente que não iria apresentar queija contra seu filho Luiz Augusto.

Operação Hypnos

Também com serviço da mesma guarnição do Sgt. Jefre que estava em ação na operação denominada Hypnos, foi recuperada uma moto Pop de cor vermelha furtada na rua Acioly Ramos, bairro do Penta, a mesmo foi entregue ao seu proprietário.

Violência doméstica

Três caso de violência doméstica foi registrado na delegacia, são situações desconfortáveis e indelicadas até mesmo para a polícia que não tem muito a fazer se a queixa crime não for registrada pelas vítimas.

Um dos casos o companheiro, saio de casa e foi tomar “umas” com os amigos, quando voltou, já muito embriagado com vontade de sair pra festa e queria levar a esposa que se recusou a sair devido ao alto estado de embriagues, quando viu seu desejo contrariado ali mesmo bateu na esposa que está grávida, esperando um filho de seu agressor.

Em outro caso, também violência física e psicológica, a mulher foi pega de surpresa pelo seu companheiro que bebeu até criar coragem para fazer uma revelação, mas antes tentou agredi-la fisicamente, foi quando a polícia chegou e levou os casal para delegacia. Chegando lá a revelação. O agressor disse que a 4 anos estava apaixonado pela sua enteada, isso na frente de todos inclusive da equipe de reportagem. Sua companheira a mãe da pessoa pelo qual seu marido disse estar apaixonado ficou perplexa e sem chão com vergonha, se desesperou sem nada poder fazer foi ao prantos.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.8%
1.7%
3.8%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp