10/11/2023 às 06h24min - Atualizada em 10/11/2023 às 06h24min

Grupo de brasileiros é autorizado a sair de Gaza; governo prepara operação

De acordo com o Itamaraty, o grupo já está no posto da fronteira de Rafah desde as 7h, no horário local (2h horário de Brasília)

Da Redação
Correio Braziliense
Dezenas de ambulâncias aguardam a entrada de estrangeiras na fronteira entre Egito e Gaza. Governo receberá brasileiros e cidadãos de outras nacionalidades e oferecerá atendimento médico antes de seguirem para repatriação - Foto: AFP

MUNDO - O grupo de brasileiros e familiares que aguardava liberação para deixar a Faixa de Gaza pela fronteira com o Egito recebeu, nesta sexta-feira (10/11), autorização de deixar o local para serem repatriados ao Brasil.

A saída é uma conquista diplomática para o Brasil, que tenta retirar os brasileiros desde o início do conflito entre Israel e o grupo radical Hamas, em 7 de outubro, quando os extremistas atacaram o território israelense e deixaram 1,4 mil mortos. A contraofensiva de Israel já deixou mais de 10,8 mil mortos.

De acordo com o Itamaraty, o grupo já está no posto da fronteira de Rafah desde as 2h da manhã (horário de Brasília; 7h da manhã horário local). Os brasileiros e familiares esperam a “chamada para os trâmites necessários para a entrada no Egito e posterior repatriação para o Brasil”.

Ainda segundo a pasta, a inclusão dos brasileiros na lista desta sexta foi informada ao ministro Mauro Vieira na tarde de quinta (9/11), em um telefonema feito pelo chanceler de Israel, Eli Cohen.

A lista conta com 33 pessoas — mas, segundo a CNN, uma pessoa foi adicionada em nova lista. Além do Brasil, cidadãos dos Estados Unidos, Canadá, Romênia, Indonésia, Polônia, Rússia, Índia, Albânia, China, Dinamarca, Alemanha, Holanda, Nova Zelândia e Malásia também sairão de Gaza.

Ao entrarem em território egípcio, os estrangeiros serão avaliados por socorristas, que esperam o grupo. Caso precisem de atendimento, um hospital de campanha foi construído perto do local.  

Volta ao Brasil

Os brasileiros voltarão ao Brasil no avião presidencial, destinado a viagens do presidente da República. A aeronave aguarda a liberação do grupo no aeroporto de Cairo, no Egito, desde 18 de outubro. O voo do grupo será acompanhado por uma média oficial da Aeronáutica. 

A chegada no Brasil, prevista para domingo (12/11), será feita com o auxílio de ajuda médica, incluindo psicólogos e um posto de imunização. O grupo também vai receber abrigo, documentação e alimentação para os brasileiros. A expectativa é a de que os brasileiros sejam recebidos pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em Brasília.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp