08/03/2023 às 12h10min - Atualizada em 08/03/2023 às 12h10min

Nasa anuncia primeira missão com tripulação ao redor da Lua desde 1972 | Portal Obidense

Artemis 2 está programada para acontecer em novembro de 2024; Artemis 3 também foi anunciada

Da Redação
Jovem Pan
Jovem Pan

ESTADOS UNIDOS - A missão espacial Artemis 2, que pretende levar uma tripulação de astronautas à Lua pela primeira vez desde 1972, está programada para novembro de 2024, anunciou nesta terça-feira, 7, a Nasa, agência espacial dos Estados Unidos. Esse cronograma se deve ao sucesso da missão Artemis 1, concluída em dezembro após pouco mais de 25 dias no espaço. A cápsula Orion, que sobrevoou sem ocupantes em seu primeiro voo de teste, foi impulsionada pelo novo foguete SLS – o mais potente do mundo – e foi colocada em órbita ao redor da Lua antes de retornar à Terra. A análise detalhada desta missão continua, disse em coletiva de imprensa o administrador associado da Nasa, Jim Free. Mas as primeiras avaliações permitem uma decolagem da segunda missão até “o final de novembro de 2024”, acrescentou ele. Para esta viagem, a Nasa deverá anunciar este ano os quatro tripulantes da Artemis 2, entre eles um canadense, que irão dar a volta ao redor do satélite sem pousar, numa missão de cerca de dez dias. “Estamos na busca pela tripulação da Artemis 2”, afirmou Free. “No momento, não há nada que nos impeça depois do que aprendemos com a Artemis 1.”
 

Depois virá a missão Artemis 3, prevista para cerca de 12 meses após a Artemis 2, em que os astronautas pousarão no polo sul da Lua e que ainda está oficialmente prevista para 2025, embora seja um calendário incerto. “Nosso plano sempre foi de 12 meses, mas há desdobramentos importantes que precisam acontecer”, alertou Free. O módulo de pouso será uma versão da nave Starship da SpaceX, mas seu primeiro voo orbital ainda não ocorreu, enquanto os trajes espaciais ainda estão em desenvolvimento pela empresa Axiom Space. O objetivo da Nasa é estabelecer uma presença permanente na Lua, com a construção de uma base e uma estação espacial orbitando o satélite. Aprender a viver na Lua deve permitir testar as tecnologias necessárias para uma viagem ainda mais longa, como a ida e volta de uma tripulação a Marte.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp