09/12/2022 às 17h00min - Atualizada em 09/12/2022 às 17h00min

Lançado primeiro edital de microcrédito para negócios em Juruti | Portal Obidense

Potencial é investir em até 40 projetos com valores entre R$ 3 mil e R$ 21 mil

Da Redação
Linha de crédito

JURUTI - O Natal dos empreendedores jurutienses chegou antecipado com o lançamento do primeiro edital do programa de microcrédito produtivo do Banco Juruti Sustentável (Banjus). O edital lançado hoje, 07, receberá projetos até o dia 31 de janeiro de 2023. De forma inédita, investirá especialmente nos micro e pequenos negócios do município de Juruti, no Oeste do Pará.

O edital oferece duas linhas de crédito: Capital de Giro, para compra de Insumos, matéria-prima e produtos acabados; e Investimento Fixo ou Misto, para aquisição de máquinas, utensílios e equipamentos, mais capital de giro. Pessoas físicas e jurídicas, cooperativas, associações produtivas, pequenos empreendedores locais e trabalhadores autônomos informais, microempreendedores individuais (MEI) e agricultores familiares, que desenvolvam negócios em qualquer ramo da atividade econômica poderão ser beneficiários.



 
"O microcrédito do Banjus apresenta-se como uma ferramenta disponível para sanar as necessidades financeiras dos tomadores de crédito, a um custo relativamente baixo. Com acesso ao crédito, os pequenos empreendedores podem gerar emprego e desenvolvimento local a partir de uma ação planejada. Com isso, além de desenvolvimento econômico, poderão promover o desenvolvimento cultural e social do território de Juruti", declara Carlos Janor, analista de crédito do Banjus.


Leia tambe: Instituto Juruti Sustentável fortalece parcerias




A expectativa é destinar o microcrédito aos segmentos de produção, artesanato, turismo, comércio e serviços, inclusive empreendedores solidários, negócios de impacto, empreendedorismo social, turístico e cultural, no meio urbano e rural. O edital também é especialmente dedicado a atender empreendedores e empreendedoras com casos de sucesso de projetos já apoiados pelo IJUS, como Juruti-Up, de empreendedorismo juvenil; Dona’s, de mulheres empreendedoras; e o grupo Formar Gestão, atendido no projeto Ingá.
Todos os projetos que se candidatarem ao edital serão analisados por comitê de avaliação do Banjus, incluindo etapa onde será necessária a apresentação de estudo de viabilidade técnica e econômica. Após aprovados, os beneficiários receberão consultorias por especialistas nas áreas de Finanças, Marketing e Operação do Negócio.



Serviço
Acesse o Edital do Banjus e conheça mais sobre as linhas de crédito:
Site do IJUS (http://ijus.org.br/downloads)
Sede do IJUS (Avenida Marechal Rondon, 1397, Bom Pastor, Juruti-PA, nos dias úteis de 09h às 12h, e 14h às 17h)
 
Sobre o Banjus
O Banco Juruti Sustentável (Banjus) é um “braço” do Fundo Juruti Sustentável (FUNJUS), que integra o Instituto Juruti Sustentável (IJUS). O Banco Comunitário tem o objetivo de socializar o acesso ao microcrédito reembolsável para estimular o desenvolvimento do empreendedorismo, negócios sustentáveis na cidade e comunidades de Juruti. É uma parceria entre o IJUS e a Alcoa Foundation, o banco visa o desenvolvimento local e não o lucro, democratizando crédito para empreendimentos sociais e pessoas físicas que não possuem acesso aos bancos tradicionais.


 
 
Sobre o IJUS
O Instituto Juruti Sustentável (IJUS), reconhecido como Organização de Utilidade Pública pelo Governo do Estado.
 
O IJUS é um espaço público permanente de diálogo, debate e ação coletiva entre seus associados e a sociedade em geral, que visa contribuir para o desenvolvimento sustentável de Juruti e entorno. O Instituto tem por escopo, também, apoiar financeiramente ações, projetos e programas, reembolsáveis ou não reembolsáveis que integrem aspectos sociais, humanos, econômicos e ambientais, através do Fundo Juruti Sustentável-FUNJUS.
www.ijus.org.br




Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp