09/12/2022 às 12h13min - Atualizada em 09/12/2022 às 12h13min

‘Câmara não será refém de projeto de Lula’, afirma Marcel van Hattem sobre PEC fura-teto | Portal Obidense

Segundo deputado federal, o PT não tem os votos necessários para aprovar a Proposta de Emenda à Constituição

Da Redação
Jovem Pan
Jovem Pan
BRASIL - No Congresso Nacional, líderes do chamado Centrão afirmam que têm maioria para aprovar a PEC Fura-Teto, ou PEC da Transição, com validade de apenas um ano, e não de dois, como foi aprovado pelo Senado por ampla maioria. Em entrevista ao Jornal da Manhã, da Jovem Pan, desta sexta-feira, 9, o deputado federal do Partido Novo pelo Rio Grande do Sul Marcel Van Hattem falou sobre a aprovação da PEC no Senado dizendo que a base do governo não tem dado apoio consistente e que seu partido votou seguindo os princípios para evitar que a PEC “afunde o país”. “Nós já falávamos há tempos que vários desses partidos que dão sustentação ao atual governo de Jair Bolsonaro não têm sido consistentes no apoio às pautas apresentadas aqui, em especial às econômicas. […] Não foi diferente com a PEC do Lula, ou PEC Argentina, porque vai afundar o país com essa previsão de quase R$ 200 bilhões de fura-teto. Foi reduzido um pouco o valor, mas foi mantido dois anos de exceção ao teto, o que certamente não passa na Câmara dos Deputados. Eu já acho absurdo um ano, dois anos significa tirar de deputados e senadores que nem assumiram a condição de tratar de orçamento durante metade de seus mandatos”, disse o deputado.

 
Em seguida, Van Hattem criticou a falta de articulação do governo Bolsonaro, dizendo que a atual gestão deixou votações importantes na mão do Centrão. “Quanto à desarticulação da base, infelizmente foi uma realidade que a gente viu ao longo de todo esse mandato, com um governo que não se preocupou em fazer articulações, perdeu votação de matérias importantes porque deixou tudo na mão do Centrão e esse resultado não chega a ser novidade”, continuou o parlamentar. Por fim, Van Hattem afirmou que o PT não tem 308 votos necessários para aprovar a PEC e disse que a Câmara mostrará que não será refém do projeto do PT. “O que precisamos fazer é que se torne novidade a derrota da PEC. O PT não tem 308 votos para aprovar a PEC do Lula. É importante que a gente mostre à sociedade que a Câmara não será refém do projeto do PT e do Lula derrubando essa PEC”, finalizou.
 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp