02/12/2015 às 10h18min - Atualizada em 02/12/2015 às 10h18min

SEMAB e SEBRAE finalizam convênios da Agricultura Familiar em Óbidos

O Convênio teve duração de aproximadamente cinco anos e atendeu 20 projetos selecionados em comunidades da região de várzea e terra firme

Martha Costa
PMO/ASCOM
Foto: Divulgação

ÓBIDOS - Na última segunda-feira, 30 de dezembro, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural e Abastecimento (SEMAB) e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) realizaram o encerramento dos convênios voltados ao desenvolvimento de projetos a agricultura familiar. Os projetos, Produção Agroecológica Integrada e Sustentável (PAEIS) e Gestão de Empreendimentos agroecológicos, em sua fase inicial tinham apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES), da Fundação Banco do Brasil e da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER) além do SEBRAE e da Prefeitura Municipal de Óbidos, por meio da SEMAB.

Segundo o engenheiro agrônomo Jorge Thomas Barreto, que é gerente da Organização Não Governamental (ONG) Extensão Amazônia, que presta consultoria para o SEBRAE, os projetos foram desenvolvidos em nove municípios da região Oeste do Pará, sendo que em Óbidos o projeto obteve um desempenho positivo. “A primeira fase do convênio foi à implantação dos projetos sem o uso de agroquímicos e a segunda fase foi à gestão de empreendimentos agroecológicos. A cada ano a gente tem a mensuração de resultados e aqui melhorou muito, a maioria dos produtores atendidos no projeto não tinham trabalhado com horta antes e hoje eles têm uma renda adicional”, falou Thomas.

Entre os agricultores selecionados para participar dos convênios conversamos com o senhor Adalberto Rodrigues Moreira, morador da comunidade de Nova Jerusalém, localizada a aproximadamente 33 quilômetros de Óbidos na região de Terra Firme que frisou a importância do projeto. “O convênio foi muito importante para todas as famílias selecionadas e hoje nós temos um espaço na feira para venda dos produtos orgânicos”, falou o agricultor que trabalha com produtos da agricultura familiar sem o uso de agrotóxicos e agroquímicos, produtos que oferecem uma qualidade maior nos produtos.  

A Secretária de Desenvolvimento Rural e Abastecimento, Robenízia Moda, lamentou o encerramento do projeto, que atualmente contava com o apoio da Prefeitura, EMATER E SEBRAE e falou da expectativa de que a partir de agora surjam os multiplicadores de conhecimento. “Na verdade a gente começa lamentando por este convênio ter encerrado, passaram cinco anos e o desenvolvimento deste grupo foi muito bom. Nós estivemos visitando algumas comunidades e eles aprenderam mesmo a colocar na pratica tudo o que o SEBRAE passou e a gente tem este resultado na feira do produtor com um box só de produtos orgânicos. Nossa expectativa é que este conhecimento seja repassado aos outros agricultores”, finalizou.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.2%
1.8%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
33.3%
1.8%
3.8%
4.7%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp