04/03/2017 às 17h10min - Atualizada em 04/03/2017 às 17h10min

Arquiteto Alcid Canto visita sede da colônia Z-19 e avalia estrutura para receber cobertura metálica.

Por: Eury Silva
Foto: Eury Silva

ÓBIDOS - Desde o início do mandando do atual presidente Emerson Canto da Colônia dos pescadores artesanais de Óbidos, Z-19, a sede dos pescadores vem recebendo modificações em sua estrutura.

O projeto de modificações que tem quatro fase de modificação, vem sendo acompanhado pelo arquiteto obidense Alacid Canto.

Das quatros fases, três já foram realizadas: 1° fase foi de levantamento do prédio, pois não podia desfazer o que já estava feito, os serviços da classe não podiam parar. Foi reforçado a estrutura da base com piso ao solo numa altura aproximadamente de 5m, com as enchentes dos anos anteriores a sede ficava submersa, e foi elevada um metro evitando danos e perda na estrutura nas próximas enchentes.

Com reforço da base, na 2° fase possibilitou o alinhamento do piso, que antes ficava em forma de ondas, na 3° foi possível aplicar lajota na área de

atendimentos e construção de banheiros, que não sobrecarregou a estrutura da madeira que está em baixo, serviço não definitivo, mas que deu uma qualidade excelente para os usuários da sede.

Na última e 4° fase que deverá ser realizada ainda, a desmontagem das telhas tradicionais e montar a estrutura metálica, pensando no conforto ambiental do usuários e colaboradores, esse estudo está sendo realizado, através do reforço que foi realizado e instalação da argamassa armada, banheiros, paredes de PVC, e agora a cobertura.

“Desde que o Emerson, tomou posso na colônia, tivemos uma preocupação de melhor adequar a estrutura da Z19, desde o primeiro momento projetamos as modificações com pouco custo e a realização de estrutura de qualidade. Pois todo ano ia para o funda, devido a cheia do lago Pauxis, não estamos 100%, mas para o que estava, já evoluímos bastantes”. Comentou Alacid

“Nas modificações, foram usadas as técnicas de argamassa armada, para diminuir o peso sobre a madeira que está em baixo e não trincar o que já foi feito, que nos possibilitou colocar uma boa lajota, parede de PVC, que também é leve, com as nossas técnicas foi possível aplicar na estrutura sem afetar economicamente os cofres da Colônia e não afetar o meio ambiente pela localização da sede na margem do laguinho”. Finalizou   Canto.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp