01/02/2024 às 10h42min - Atualizada em 01/02/2024 às 10h42min

Lula fala em ‘humanizar’ combate ao ‘pequeno crime’ no Brasil

Em discurso, presidente afirmou que as organizações criminosas viraram uma indústria.

Da Redação
Conexão Polítca
Foto: Reprodução

BRASIL - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta quarta-feira (31) que o governo quer ‘humanizar o combate ao pequeno crime’ e ‘jogar muito pesado’ contra o que chamou de ‘indústria internacional do crime organizado’.

“A gente quer ver se a gente consegue humanizar o combate ao pequeno crime, as pessoas mais humildes, e jogar muito pesado, jogar muito pesado, eu não sei como […] como é que a gente vai jogar pesado para enfrentar a chamada indústria internacional do crime organizado. Essa tem avião, navio, iate, indústria, ela tem tudo, poderes em muitas decisões de governo, partido, países, e essa que nós temos que enfrentar”, declarou o petista.

A fala controvérsia do mandatário ocorreu no Palácio do Planalto durante um evento de balanço das ações do Ministério da Justiça e Segurança Pública, no primeiro ano do governo.

Segundo o esquerdista, o crime organizado virou uma indústria e está presente em diversas instâncias da sociedade, como o judiciário, a política e entre os empresários.

“O crime organizado hoje não é uma coisa fácil de combater, porque o crime organizado virou uma grande indústria multinacional. Maior do que a General Motors, Volkswagen , maior que a Petrobras, é uma coisa muito poderosa. E o crime organizado está na imprensa, está na política, no judiciário, no futebol, nos empresários, estão em tudo quanto é lugar do planeta Terra”, declarou.

Em concordância, Flávio Dino, que assumirá o Supremo Tribunal Federal (STF) em fevereiro, comentou sobre a população carcerária no país, defendendo a prisão em casos de crimes hediondos e medidas alternativas para outros delitos.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp