11/01/2024 às 12h51min - Atualizada em 11/01/2024 às 12h51min

PF prende líder indígena no AM por suspeita de estupro e coação

Detenção ocorreu em aldeia e envolveu 20 agentes

Da Redação
Pleno News
Polícia Federal Foto: Arquivo / Agência Brasil

AMAZONAS - A Polícia Federal (PF) abriu, nesta quarta-feira (10), a Operação Yaucacy para prender temporariamente um líder indígena por suposto abuso sexual de crianças. A detenção foi realizada em uma aldeia no município de Autazes, no Amazonas, por cerca de 20 agentes da PF.

Autazes, com cerca de 40 mil habitantes, fica a 110 quilômetros de Manaus.

A investigação foi aberta após denúncia enviada pelo Ministério Público Federal que põe sob suspeita o indígena. A apuração se debruça sobre supostos crimes de estupro de vulnerável, abuso de poder, coação de vítimas e cerceamento de direito básicos de indígenas de sua mesma comunidade.

Segundo a PF, o líder indígena pode responder pelo cometimento de tais crimes, cujas penas ultrapassam 30 anos de prisão.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp