30/03/2023 às 09h08min - Atualizada em 30/03/2023 às 09h08min

Volta de Bolsonaro ao Brasil: Forças de segurança proíbem manifestação no aeroporto e desfile em carro aberto | Portal Obidense

Superintendente da Polícia Federal do DF pediu que apoiadores do ex-presidente evitem deslocamento à região e diz temer prejuízos em toda a malha aérea do Brasil

Da Redação
jovempan.com.br
jovempan.com.br

BRASIL - O secretário de Segurança do Distrito Federal, Sandro Torres Avelar, descartou a possibilidade de que apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) façam manifestações de apoio ao político na quinta-feira, 30, quando o ex-mandatário deve chegar ao Brasil. Segundo o secretário, o planejamento das ações para a chegada e Bolsonaro foi construído em conjunto com equipes do Partido Liberal (PL) e de apoiadores do ex-presidente, que entenderam a impossibilidade de atos no local. “Não vai ser permitido que haja esse deslocamento de pessoas com o intuito de fazer manifestação no saguão do aeroporto. É compreensível haver uma expectativa dos apoiadores para recebê-lo, mas não na região do aeroporto. Causaria um transtorno imenso para a comunidade”, disse Torres Avelar em conversa com jornalistas. A previsão dos órgãos de segurança é que cerca de 80 voos poderiam ser impactados, apenas no período da manhã da quinta, o que levaria ao “caos” em Brasília e a impactos em toda malha aérea brasileira. “Para evitar isso, manifestações de apoio não poderão ser feitas no saguão”, reforçou.
 

O acesso ao Aeroporto Internacional de Brasília vai ser monitorado pela Polícia Militar, que fará uma triagem da movimentação no entorno, sendo possível abordagem a veículos “suspeitos” ou grupos de apoiadores, por exemplo. Há também a possibilidade de que acessos ao local e à região da Esplanada dos Ministérios sejam bloqueados, se necessário. “Acesso de grupo de motos, caminhões, tratores ou qualquer coisa que signifique possível manifestação, é evidente que a PM vai fazer um trabalho de triagem”, mencionou o secretário do Distrito Federal. Ele também descartou que o ex-presidente Jair Bolsonaro vá fazer um desfile em carro aberto e disse que o político deve ser recebido por companheiros de legenda na sede do Partido Liberal.
 

O Superintendente Regional de Polícia Federal no Distrito Federal, Cezar Luiz Busto de Souza, endossou os avisos e chegou a pedir que a população evite o deslocamento até a região aeroportuária. “Evitem. Não vão ao aeroporto fazer manifestações. Oportunidade haverá outra, mas aglomeração no aeroporto, em horário de pico, vai impactar o país inteiro. É um prejuízo que ninguém quer”, disse Souza. A Jovem Pan já antecipou que o ex-presidente Jair Bolsonaro desembarcará no aeroporto de Brasília nesta quinta-feira, 30, após três meses nos Estados Unidos. A expectativa é que ele seja recebido pela esposa, Michelle Bolsonaro, e participe de um café da manhã com parlamentares do partido. O encontro, no entanto, será fechado. Não está prevista nenhuma manifestação oficial do ex-chefe do Executivo.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp