05/07/2023 às 11h05min - Atualizada em 05/07/2023 às 11h05min

Criança morre em ataque armado a aldeia ianomâmi, em Roraima

Outras cinco pessoas ficaram feridas. Os autores ainda não foram identificados

Da Redação
correiobraziliense.com.br

Portal Obidense  Publicidade 790x90

FOTO: Michel Dantas/AFP

RORAIMA - Um ataque a tiros a uma aldeia ianomâmi matou uma criança e feriu outros cinco indígenas, na noite dessa segunda-feira (3/7), na região de Parima, Roraima. Um helicóptero foi enviado de Boa Vista para prestar auxílio às vítimas. 

Em comunicado emitido na tarde desta terça-feira (4/7), o Ministério dos Povos Indígenas (MPI) afirmou que lamenta o acontecido e que o governo federal já trabalha para que os autores do crime sejam identificados e responsabilizados.

Segundo a nota, equipes de assistência prestaram atendimento imediato aos feridos no local, que foram transferidos, hoje, para Surucucu e Boa Vista, em aeronaves da Marinha do Brasil (MB) e da Força Aérea Brasileira (FAB) equipadas com respiradores e outros equipamentos de resgate emergencial.

Por meio do comunicado, o governo federal reiterou seu compromisso de reestruturar políticas que ajudem a garantir os direitos dos povos indígenas, como saúde, segurança alimentar e proteção territorial das áreas Yanomami. O governo afirmou, ainda, que trabalha em ações para promover a expulsão de garimpeiros ilegais das terras Yanomami.

“A região está em situação de emergência desde que foi publicado o Decreto nº 11.405, de janeiro de 2023, que dispõe sobre medidas para enfrentamento da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional e de combate ao garimpo ilegal no território Yanomami a serem adotadas por órgãos da admi

Portal Obidense  Publicidade 790x90


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp