23/11/2021 às 12h26min - Atualizada em 24/11/2021 às 00h00min

Green Nation, um dos principais movimentos de sustentabilidade no Brasil, reunirá especialistas de várias partes do mundo para discutir impactos positivos para a cidadania planetária

Intitulado Green Nation Worldwide, evento trará programação gratuita on-line com diversas atividades como masterclass, seminários, workshops, além de uma mostra audiovisual

SALA DA NOTÍCIA Fausto Cabral
Ondas de calor intenso nas grandes cidades, despoluição de rios urbanos, racismo ambiental, educação em um futuro não escrito, o Brasil e a COP26 e a revolução do empreendedorismo social. Estes, entre outros temas, serão debatidos por especialistas de várias partes do mundo em uma nova realização do Green Nation, um dos principais movimentos de sustentabilidade do país, criado em 2012.

Nos dias 29 e 30 de novembro (segunda e terça), o projeto – nesta edição batizado de Green Nation Worldwide (GNW) apresentará uma programação on-line gratuita, reunindo diversas atividades como masterclass, seminários, workshops e uma mesa redonda com convidados especiais. Mas o evento se inicia desde o domingo, dia 28 de novembro, quando o GNW abrirá a Mostra de Cinema Green Nation, com curadoria que privilegiou títulos com olhar sobre os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, que ficarão disponíveis durante os três dias de evento.

Tendo à frente da organização desta edição o idealizador do Green Nation, o geógrafo e produtor de cinema Marcos Didonet, o GNW conta com patrocínio das empresas Ambev e Sabesp e apoio da Benafer. O projeto é apresentado pelo Ministério do Turismo e realizado através da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Toda a programação será transmitida diretamente pelo link: https://greennation.com.br/gww2021
 
“O Green Nation Worldwide surgiu com o objetivo de levar um pouco das reflexões que o Green Nation já estimula em ações presenciais, agora para um campo global e virtual. Finalizaremos o ano de 2021, período tão atípico em nossas vidas, promovendo diálogos entre pessoas de diferentes lugares do mundo e reforçando o entendimento de cidadania planetária: todos nós pertencemos a um mesmo planeta e precisamos agir para que ele se torne um lugar melhor para se viver. Atitudes importam!” – pontua Marcos Didonet, sobre a realização.

Destaques da Programação - A masterclass “Assim como florestas, cidades também queimam”, tendo como convidada especial a grega Eleni Myrivili – a primeira pessoa do mundo a assumir a função de Chief Heat Officer, espécie de “Ministra do Calor” – abre a programação do GNW, dia 29 de novembro, às 12h.

No encontro, Eleni dará detalhes sobre o seu trabalho para um futuro sustentável numa das cidades mais antigas (e quentes) do mundo, Atenas, na Grécia. Importante salientar que a nomeação de Eleni Myrivili para o cargo é um reconhecimento da nova realidade climática e também um sinal de que ter alguém para lidar com temperaturas sufocantes pode ser tão necessário quanto olhar para os setores de transporte e de saneamento básico, por exemplo.

A programação de seminários será aberta às 16h, do dia 29/11, tendo como tema a recém-finalizada COP26. Sob o título “COP26 - O Brasil em Glasgow”, o encontro reunirá Sérgio Besserman (moderador), Carlos Nobre (climatologista, atualmente pesquisador sênior do Instituto de Estudos Avançados da USP), Claudio Angelo (Observatório do Clima), Ana Toni (Instituto Clima e Sociedade) e Mercedes Bustamante (professora titular da UnB, membro eleito da Academia Brasileira de Ciências), que abordarão temas como “A emergência climática e o desenvolvimento do Brasil”, “A ciência e a emergência climática”, entre outros. O seminário é apresentado pela Ambev.

“Aqui, na Ambev, acreditamos que a jornada de sustentabilidade é coletiva e precisamos ir Além dos Rótulos. Por isso, estamos sempre dispostos a ouvir, conhecer novas realidades e trocar experiências, que ajudam a evoluir o nosso olhar para as questões socioambientais e caminhar com solidez para as nossas metas estabelecidas neste sentido. E é isso que o Green Nation Worldwide nos proporciona, um espaço de escuta e troca de aprendizado junto a líderes, empresas e organizações importantes na esfera de sustentabilidade, engajadas na construção de um futuro melhor para todos nós”, afirma Lisa Lieberbaum, Gerente de Sustentabilidade da Ambev. 
Já o “Racismo Ambiental”, que se caracteriza pela desigual distribuição dos riscos ambientais socialmente produzidos pela extração de recursos naturais, encerra a programação dos seminários do primeiro dia do GNW. Debatem o tema Diogo Rocha (pesquisador do Núcleo Ecologias, Epistemologias e Promoção Emancipatória da Saúde, da Fundação Oswaldo Cruz) e Karina Penha (bióloga, ativista climática e ambientalista).

A programação dos seminários prossegue no terceiro e último dia do evento discutindo “A Educação em um Futuro não Escrito”. O encontro contará com as participações de Jucie Parreira (secretário de Educação e Cultura no município educador de Almirante Tamandaré), Lica Barbosa (professora titular na Faculdade de Educação da UFRGS), Luiz Miguel (dirigente municipal da Educação de Sud Mennucci, presidente da Undime), com moderação de Vital Didonet (professor, especialista em educação infantil e políticas pela primeira infância). Os participantes discutirão propostas e soluções considerando a brusca interrupção das rotinas no Sistema Educacional, causada pela pandemia, que criou abismos, fazendo emergir cenários em que a escola e o sistema escolar estão desconectados das realidades e necessidades dos alunos.
“A Revolução que os Empreendedores Sociais Estão Fazendo no Mundo” será o tema do segundo seminário da terça-feira, dia 30/11. O encontro discutirá a Coalizão Catalyst 2030 Brasil que, inspirada no movimento global Catalyst 2030, agrega empreendedores e inovadores sociais dos diversos setores que compartilham o objetivo comum de criar novas abordagens, centradas nas pessoas, para atingir os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, que compõem a Agenda 2030. Participam Gisela Solymos (coordenadora de Inclusão Produtiva do SEBRAE SP), Michael Green (CEO do Social Progress Imperative), Paula Fabiani (CEO do IDIS - Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social) e Rodrigo Baggio (empreendedor social, fundador e presidente da organização social Recode).

“Despoluição e Recuperação de Rios Urbanos” encerra a programação dos seminários, onde serão discutidas perspectivas de despoluição de rios urbanos, caminhos possíveis e os desdobramentos sociais e econômicos. Dentre os convidados para debater estão Frank Rogalla (Diretor de Inovação da Aqualia, em Madrid, que participou dos processos de despoluição dos Rios Sena e Tâmisa) e Paulo Constantino (Fundador e porta-voz do proTEJO - movimento pelo Rio Tejo – Portugal). Participa também Ricardo Daruiz Borsari, diretor metropolitano da Sabesp - Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (empresa que apresenta esta atividade), que falará sobre o programa Novo Rio Pinheiros.

Já a programação dos workshops, também dividida nos dois dias do evento, terá ainda encontros que abordarão temas como Capacitação para a Produção de Conteúdo Audiovisual, Descarte de Resíduos e Oportunidades de Negócios e Arte e Sustentabilidade para Crianças.

Por fim, a programação da Mesa Redonda trará a jornalista Rosana Jatobá comandando um debate sobre governança social e ambiental com gestores de empresas e corporações. Participam da conversa Adriano Candido Stringhini (diretor de gestão corporativa da Sabesp), Fabio Alperowitch (diretor do Instituto FAMA, do Instituto Brasil Israel e do Instituto Totós da Teté), Lisa Lieberbaum (gerente de sustentabilidade da Ambev) e Maite Schneider (cofundadora do projeto TRANSEMPREGOS).


SERVIÇO
GREEN NATION WORLDWIDE
Dias: 28, 29 e 30 de novembro
Grátis
Atividades transmitidas pelo link: https://greennation.com.br/gww2021

GREEN NATION WORLDWIDE é apresentado por: Ministério do Turismo
Patrocínio: Ambev e Sabesp
Apoio: Benafer
Realização: CIMA, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.5%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.7%
1.7%
3.7%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp