29/01/2021 às 16h32min - Atualizada em 29/01/2021 às 16h32min

Governo do Amazonas prorroga as medidas de restrição para reforçar enfrentamento à Covid-19 | Portal Obidense

O novo decreto que está sendo publicado começa a valer a partir do dia 1º e vai até o dia 7 de fevereiro.

Fonte: Governo do Estado do Amazonas
Foto: Divulgação
AMAZONAS - O governador Wilson Lima anunciou, nesta sexta-feira (29/01), em live nas redes sociais oficiais do Governo do Estado, que as medidas restritivas para reduzir a taxa de infecção pelo novo coronavírus no Amazonas serão prorrogadas por mais sete dias, sendo estendidas até o dia 7 de fevereiro. A decisão foi tomada após reunião do Comitê de Enfrentamento da Covid-19 e representantes dos demais poderes e de órgãos fiscalizadores.

O novo decreto, que será publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), mantém a restrição de circulação de pessoas no período de 24 horas, com exceção para serviços considerados essenciais já definidos no Decreto nº 43.303, de 23 de janeiro de 2021, que permanece em vigor até domingo (31/01).

Nele também, autoriza a ampliação do horário de funcionamento de feiras e mercados, que será das 4h às 15h, e a operação de fábricas de itens para embalagem de alimentos, bebidas, limpeza, higiene pessoal e remédios, além de sacolas para supermercado.

Alta taxa de transmissão – A prorrogação do decreto tem como base informações técnicas e científicas da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), principalmente da taxa ainda elevada de transmissão da Covid-19 no Amazonas, atualmente em 1,25, a mais alta do país. A taxa de letalidade no Amazonas está em 3,6%, acima da média nacional (2,4%).

A taxa de 1,25 significa que, atualmente, cada grupo de 100 pessoas infectadas transmite o vírus para outras 125, em um intervalo de sete dias.

O novo decreto que está sendo publicado começa a valer a partir do dia 1º e vai até o dia 7 de fevereiro. E vai ser avaliado a medida da evolução dos casos e a quantidade de pessoas que estão procurando a rede hospitalar em busca de atendimento.

Medidas de restrição – De 1º a 7 de fevereiro
 
O que pode funcionar:

• Supermercados varejistas e atacadistas de pequeno, médio e grande porte e padarias – das 6h às 19h, com venda restrita a produtos de higiene, limpeza e alimentação;

• Drogarias e farmácias – 24 horas, com venda restrita a produtos de higiene, medicamentos e outros produtos farmacêuticos;
• Mercados e feiras – das 4h às 15h;

• Delivery de serviços de alimentação – das 6h às 22h;

• Indústria – em turno de 12 horas (exceção para alimentos e produtos farmacêuticos e hospitalares);

• Transporte de cargas – apenas de produtos essenciais, como alimentação, combustíveis e produtos da área da saúde e segurança;

• Postos de combustíveis;

• Fábricas de itens para embalagem de alimentos, bebidas, limpeza, higiene pessoal e remédios, além de sacolas para supermercado;

• Delivery para vendas de materiais elétricos, hidráulicos e pneumáticos – das 8h às 17h;

• Delivery para vendas de peças de veículos pesados (ônibus, caminhão e ambulância) – das 8h às 17h


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.0%
1.7%
0%
0%
15.2%
1.7%
0.6%
33.5%
1.7%
3.7%
4.6%
2.6%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp