26/12/2019 às 15h47min - Atualizada em 26/12/2019 às 15h47min

Uma mãe para dar esperança as crianças que precisam de carinho e atenção | Portal Obidense

Conheça o trabalho de dona Doriane mãe de 50 crianças que necessitam de mais afeto e orientação

Por: Walmir Ferreira
Ao centro Doriane com suas crinaças | Walmir Ferreira
MANAUS – Muito se ouve falar de “amor”, nas letras de música, nos versos e poemas, nos livros de romancistas. Uma palavra com três letras que é definida no dicionário como: “Substantivo masculino sentimento afetivo; afeição; afeto: o amor a Deus, ao próximo. Sentimento de afeto que faz com que uma pessoa queira estar com outra, protegendo, cuidando e conservando sua companhia, sentimento apaixonado por outra pessoa”.

Mas a cada experiência de vida se aprende que amor não tem definição ou conceito, de forma a explicar esse sentimento que é capaz de transforma o ser humano, porém dos vários, tipos, conceito e definições, existe um amor que digamos pode ser diferente dos demais pela ousadia, dedicação, doação e entrega.

Também com três letras escrevemos “Mãe” assim uma jovem senhora de nome Doriane dedica seu tempo a cuidar de crianças que vivem em um bairro periférico de Manaus, chamado Nova Vitória.

Com nenhuma opção de lazer, algumas crianças se perdiam no submundo do tráfico, esse é um dos motivos que fez Doriane, começar um projeto de “ser mãe” acolhendo e procurando distanciar esses pequenos seres da criminalidade, de famílias pobres e sem nenhum recurso social, além de enfrentarem problemas dentro de casa, com família desestruturadas e alguns dos pais viciados em álcool.

Doriane - Mãe por adoção de crianças do Nova Vitória em Manaus

Dos inúmeros problemas relatado por ela, tem a falta de recursos financeiros, estrutural e de apoio da sociedade.

Mas qual o segredo para levar em frente um projeto com tantas crianças assim? Doriane não sabe explicar, mas tem a resposta na ponta da língua: “Deus”

Doriane tem uma fé inabalável, mora em uma pequena casa, parte de madeiras e parte de tijolos ainda sem reboco, no local não tem saneamento básico, energia elétrica o que chega lá vem através de fios interligados pelos próprios moradores, vive de um salário mínimo que recebe por prestar serviço como cuidadora de idoso, a qual agradece a Deus. Mesmo assim ela encontrou tempo suficiente para cuidar de 50 crianças e cada dia aumentando.  Disse que não é fácil, que até mesmo a igreja as recusaram por não pagarem o dízimo, sem perder a fé ela as levou para sua casa e lá, faz seu trabalho de orientação tanto pessoal como espiritual.

CLICK AQUI – Assista a entrevista de Dona Doriane

Quando se fala em adotar 50 crianças, logo se imagina, que é uma super rica, com grande poder aquisitivo, pois bem nada disso. Fomos em loco no domingo (22), conhecer a Mãe Doriane, um local de difícil acesso, nesse dia uma pequena cerimônia tinha sido preparada, com ajuda de outras pessoas e amigos da igreja nesse dia suas crianças iam receber seu presente de Natal.

Pedidos simples, como de cobertor, brinquedos e calçados lideram as cartinhas, uma festa estava para acontecer, os voluntários que estenderam as mão para os filhos de Doriane, estavam sendo aguardado com festa, uma decoração simples, palhas de coqueiros, balões e muito sorrisos de ansiedade.

Obidense Rosa Rocha - Participa do trabalho social com as crinlas em Manaus

Entre as mães adotivas dos filhos já adotivos de Doriane estava a obidense Rosa Rocha, que agora está ajudando no projeto e consigo o presente de uma das 50 crianças: “É muito gratificante saber que o pouco que a gente tem podemos fazer uma criança feliz, pedi a irmã Doriane que não desistisse que continuasse em frente, aqui temos muitos problemas com drogas então essa crianças precisam muito de alguém que olhe por elas, as vezes reclamamos da vida, mas essas crianças precisam tanto”.

CLICK AQUI – Assista a entrevista de Rosa Rocha

Falamos com Joyce uma das mães da comunidade que aproveitou o momento para agradecer dona Doriane por ajuda-la na formação de seus filhos: “Quero agradecer, pois não é qualquer pessoa que faz isso, tirar um tempo para se dedicar a essas crianças, por isso agradeço muito a Deus por dona Doriane e que esse projeto não fique só aqui, que as pessoas abram seu coração, o mundo está tão ruim, estou tão feliz, os presentes dos meus filhos já está garantido”

Joyce, mãe de 4 crianças, pediu para fazer um agradecimento a Doriane

CLICK AQUI – Assista a entrevista da Joyce

Doriane seguirá com o projeto, e cada dia se sente mais forte e mais responsáveis em fazer alguma coisa pelas crianças e famílias que a procuram. Vamos deixar aqui o número do telefone caso alguém se sensibilize e queira ajudar (92) 98451-4753

Abaixo Click no Play e veja o video das crianças cantando


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.5%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.2%
1.8%
0.6%
34.3%
1.2%
4.0%
4.0%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp