19/11/2019 às 11h44min - Atualizada em 19/11/2019 às 11h44min

Projeto 198/19 foi aprovado na CMO finalizando pendência financeira do programa mais médico | Portal

A votação aconteceu na manhã da segunda-feira (18). Os vereadores aprovaram o pagamento de ajuda de custo que deveria ser pago juntamente com o salário

Por: Elton Pereira
Momento da votação na CMO do prjeto 198/19 na segunda feira (18) | Foto: Elton Pereira
ÓBIDOS - Segundo o presidente da casa legislativa o projeto tramitou dentro da casa parlamentar por 15 dias, quando na verdade deveria ter tramitado pelo menos por 20 dias.

A celeridade com que foi apreciado e votado pelo parlamento se deu pela pressão com quais os vereadores sofreram e também perante a importância da aprovação do projeto.

Problema

Oito (8) médicos que fazem parte do programa mais médicos do governo federal pediam o pagamento da ajuda de custo que é de responsabilidade do município repassar aos mesmos. A quantia que gira em torno de 2 mil reais por profissional teria sido impossibilitada de ser repassada, pela falta de aprovação do parlamento, estando desta forma irregular a quitação mensal deste valor junto aos médicos.

Por sua vez, os vereadores destacaram que só tiveram em mãos e conhecimento do projeto no final do mês de outubro, quando a Secretaria Municipal de Saúde enviou a casa legislativa o mesmo, porém os valores de duas mensalidades, para cada um dos oitos (8) médicos já estavam em atraso, com isso os profissionais da área da saúde seguiram a determinação do ministério da saúde responsável pelo programa e informaram a falta do repasse do município.

Caso o projeto não fosse aprovado o município correria sério risco de perder os 8 médicos e não poder participar do programa do ministério da saúde por um longo período, transformando assim o cenário da saúde obidense que já não dos melhores em um completo desordenamento pela falta de profissionais.
Com a aprovação do projeto-198/2019, os médicos deverão receber não apenas seus valores de ajuda de custo dos próximos meses, como também os meses em que estavam sem receber.

Na primeira matéria o Portal Obidense publicou que seriam 3 meses na verdade são 2 meses e 19 dias o que não muda o senário. Na verdade o atraso é de dois meses e encaminhando para o terceiro, dessa forma corrigimos a informação.

Entendas o caso – Médicos sem receber

O presidente da Camara Municipal de Óbidos, Nivaldo Aquino, explica com detalhes sobre a situação e com a resolução do caso - CLICK AQUI e Assista a entrevista do presidente Nivaldo Aqui
 
Contato - O Portal Obidense, equipe de Óbidos tem um novo número de Whatzapp, para entrar em contato pode enviar mensagem a qualquer hora para o número (93)9 9215-7138

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
23.0%
10.2%
1.3%
0%
0%
15.1%
1.6%
0.7%
35.5%
1.3%
4.3%
3.3%
1.3%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp